Beach Clubs: Mérito em julgamento
23/10/2017
Debate sobre gestão de resíduos sólidos de Florianópolis vai ocorrer nesta quarta-feira
23/10/2017

Julgamento sobre demolição de beach clubs ocorre nesta terça no TRF4

2017-10-19-PHOTO-00001191-670x376.jpg

Está marcado para esta terça-feira, na 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) em Porto Alegre, o julgamento do recurso contra a demolição dos beach clubs de Jurerê Internacional. A demolição, determinada pelo tribunal, vem sendo contestada por diversas organizações de Florianópolis.

Na semana passada, entidades que compõem o FORTUR, da qual a Associação FloripAmanhã faz parte, estiveram na capital gaúcha para demonstrar os prejuízos que a decisão pode trazer para o turismo e a sociedade florianopolitana.

De acordo com a integrante do conselho da FloripAmanhã, Zena Becker, o FORTUR se posiciona contrário às decisões que acarretam em demolições em diversas praias da Ilha de Santa Catarina, como Lagoa, Barra da Lagoa e Jurerê Internacional. O grupo argumentou que possíveis demolições podem causar prejuízos não só ao turismo como à economia local. “Cada centavo gasto nesses beachs clubs é revertido em impostos ao município. Isso significa mais crianças na creche”, afirma. “Essa reunião tem como objetivo demonstrar aos desembargadores que a medida causa prejuízos não só ao turista, mas também aos moradores e economia local”.

Becker destacou que o FORTUR tem se demonstrado “indignado” com tais decisões e citou também a questão da ponte da Barra da Lagoa. “São ações em diversas praias, envolvendo empreendimentos turísticos e estruturas e que causam uma série de prejuízos à nossa comunidade”, destaca.

Em novembro passado, o TRF4 decidiu manter a liminar que suspendeu a demolição. Entretanto, em agosto passado o mesmo tribunal cassou o efeito suspensivo que impedia que os beachs clubs fossem demolidos. O caso já está pronto para ser julgado.

Neste final de semana, em artigo publicado no Diário Catarinense, a diretora da Habitasul, Andréa Pereira Druck, comentou o julgamento marcado pera essa terça. O artigo na íntegra pode ser acessado aqui.

FORTUR

O Fórum de Turismo de Florianópolis é composto pelas seguintes associações de Florianópolis:
ABAV – SC
ABEOC BRASIL – SC
ABIH – SC
ABRASEL
ACATMAR
ACIF
Associação FloripAmanhã
Federação dos Conventions
FHORESC
Sebrae
SINTRATUR
AEMFLO
CDL São José
Floripa Convention & Visitors Bureau
Resorts Brasil
Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis, Bares e Restaurantes
Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares

 

mm
Assessoria de Comunicação FloripAmanhã
A Assessoria de Comunicação da FloripAmanhã é responsável pela produção de conteúdo original para o site, newsletters e redes sociais da Associação. Também realiza contatos e atende demandas da imprensa. Está a cargo da Infomídia Comunicação e Marketing Digital. Contatos através do email imprensa@floripamanha.org

0 Comentários

  1. reinaldo disse:

    Qualquer obra feita em faixa de areia, em área de ressacas e marinha, que utilizou espaço que era público deve ser demolida e os “proprietários” pagar indenização à Marinha e à Prefeitura pelo período utilizado. São às vezes empresários que se interessam pelo lucro disfarçados de “geradores de emprego” mobilizando a opinião pública através de instituições e imprensa com a desculpa de que vão criar desemprego com a demolição. Também gera desemprego acabar com fazendas escravocratas, não? Turismo se faz com organização, respeito à Natureza e legislação.Esta é minha opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *