“A insegurança jurídica é o principal entrave de Florianópolis”, diz empresário
10/04/2018
Licitação para a supervisão da restauração das pontes é prorrogada, em Florianópolis
10/04/2018

Floram intensifica fiscalização em ranchos de pescas ilegais e à venda em Florianópolis

A Floram (Fundação Municipal do Meio Ambiente) assinou contrato com uma empresa especializada em demolições e remoção de materiais. Isso porque o prefeito Gean Loureiro (PMDB) deve aprovar a instrução normativa que regulamenta a utilização de ranchos de pescas, trapiches, deques e rampas para embarcações. Assim, o diretor-geral da Floram, Marcos Silva, informou que vai intensificar a fiscalização em ranchos ilegais ou que estejam à venda. Um rancho na praia de Itaguaçu, no Continente, está anunciado pelo valor de R$ 16 mil em um site de classificados.

Conforme o anúncio, o rancho tem 20 m² e fica em um local tranquilo e com muitos peixes. Na localidade, existem seis ranchos de pesca. O vendedor, identificado como Átila, sem saber que conversava com um jornalista, explicou a maneira de burlar a fiscalização. “Comprei o rancho há pouco mais de um ano e ele é muito grande para mim e, por isso, resolvi reparti-lo. A fiscalização nunca vai até o local, que é belíssimo, mas para ficar assegurado aconselho a retirar uma carteira de pescador para evitar problemas. O rancho é bem organizado e tem água. Já a minha luz é por meio de placas solares que carregam uma bateria”, contou por telefone o vendedor.

(Leia Matéria completa em ND, 10/04/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *