Plano diretor
07/11/2017
Nova etapa das obras na Ponte Hercílio Luz começa com o corte de 8 cabos das barras de olhal
07/11/2017

Fatma e Acaert assinam termo para regularização ambiental de antenas de rádio e televisão

A Fundação do Meio Ambiente (Fatma) e a Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acaert) assinam nesta terça-feira, 7, às 14h, no plenário da Assembleia Legislativa, um Termo de Referência para a obtenção e regularização das licenças ambientais de antenas de emissoras de televisão e rádio em Santa Catarina.

De acordo com o presidente da Fatma, Alexandre Waltrick Rates, o documento é inédito no Brasil e define os procedimentos necessários para a instalação de novas antenas e da manutenção das já instaladas na área ambiental. “As emissoras de Santa Catarina estão instaladas antes da legislação ambiental e agora buscam a regularização de forma conjunta. Isso traz segurança jurídica para as emissoras”, explica Rates.

As emissoras associadas da Acaert que aderirem ao procedimento terão o prazo de quatro anos para solicitar as licenças ambientais das antenas de emissoras de radiodifusão de sons e de sons e imagens atendendo os procedimentos e documentos previstos no Termo de Referência. O prazo de validade das licenças ambientais será de dez anos, contados da data da sua expedição, renovado automaticamente, mediante apresentação de requerimento.

Além de definir toda documentação necessária para as licenças ambientais, o Termo de Referência divide o estado em oito regiões, com cada qual tendo seu estudo específico. “O documento é resultado da parceria entre as duas instituições, que democraticamente produziram um documento moderno e meticuloso, transformando o conflito em solução”, explicou o presidente da Acaert, Marcello Corrêa Petrelli.

As emissoras de radiodifusão comerciais não associadas à Acaert poderão se valer das mesmas condições previstas neste instrumento, utilizando seus próprios estudos, documentos e informações para instruir os respectivos processos de licenciamento, de sua responsabilidade.

(Fatma, 06/11/2017)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *