Clipping

Unidade regional da FINEP pode se instalar Florianópolis e reforçar o habitat de inovação




Da coluna de Janine Alves (Notícias do Dia, 12/07/2017)

ACATE, Seinflo, Fapesc e Prefeitura de Florianópolis articulam para trazer unidade da FINEP à Capital

A FINEP é uma empresa pública brasileira de fomento à ciência, tecnologia e inovação em empresas, universidades, institutos tecnológicos e outras instituições públicas ou privadas, sediada no Rio de Janeiro, mas agora com a previsão de instalar escritório regionais. Como Santa Catarina é o segundo estado do país em volume de recursos e projetos financiados, as chances da abertura de um escritóri o para atender a região Sul aqui na capital para realizar as operações regionais aumentam.

As entidades locais e o poder público municipal receberam o diretor de Inovação da Finep, Márcio Girão, em evento na sede da ACATE que reuniu cerca de 100 empreendedores para conhecer novos programas de estímulo à inovação anunciados pela financiadora. “Santa Catarina é o segundo estado que mais movimenta projetos de financiamento do país, atrás apenas de São Paulo”, lembrou Daniel Leipnitz, presidente da ACATE.

Além disso, a Associação operou com sucesso, como agente regional, o programa Juro Zero, que se tornou um marco para o desenvolvimento de empresas inovadoras no estado. Já estão confirmadas sedes no Nordeste (Fortaleza) e Centro Oeste (Brasília) – no Norte, a escolha está entre Belém e Manaus.

No evento, o diretor Márcio Girão e o superintendente André Nunes apresentaram o programa Finep Startups, pretende disponibilizar um total de R$ 400 milhões nos próximos quatro anos a ser investido em startups com faturamento anual de até R$ 3,6 milhões/ano. A primeira chamada pública, que está aberta até o dia 07 de agosto e pode ser acessada neste link (www.finep.gov. br/finepstartup), dispõe de R$ 50 milhões em recursos. Podem participar startups de agritech, BIM, biotecnologia, cidades sustentáveis, defesa, economia criativa (jogos eletrônicos), educação, energia, fintechs, IoT, manufatura avançada, mineração, química, petróleo gás e etanol.

“Há um vazio de apoio e financiamento justamente no momento mais importante e onde há o maior risco, que é no início da empresa, após a validação do protótipo. A Finep quer entrar neste ciclo das startups para estimular o mercado de capital semente no país”, ressaltou Girão. Além do edital para startups, a Finep apresentou o Programa de Apoio à Aquisição Inovadora em Empresas de Telecomunicações (Funttel), que financia a compra de equipamentos nacionais de telecom, e as Chamadas Públicas Abertas em conjunto com o CDTI, entidade de fomento à inovação do governo da Espanha e que viabiliza a criação de consórcios internacionais de projetos entre entidades brasileiras e espanholas.



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.