Ajuda tecnológica para separar o lixo reciclável
16/12/2014
Trabalhos nas comissões de ética ainda não começaram
16/12/2014

Prefeitura de Florianópolis dará explicações sobre aumento no valor de reforma do Mercado Público

O secretário municipal de Obras em exercício, Américo Pescador, justificou na tarde desta segunda-feira (15) a necessidade de a Prefeitura e a empresa responsável pelas obras de restauração da Ala Sul do Mercado Público assinarem aditivo no valor de R$ 1.921.488,42.

O contrato inicial firmado entre a administração municipal, por meio da Secretaria de Obras, e a JK Engenharia de Obras levou em conta, segundo ele, projeto de restauro elaborado antes da desocupação desta ala do Mercado.

E, após a saída dos comerciantes e início das escavações e rompimentos do piso e das paredes que dividiam os boxes, foi constatado que as fundações e colunas eram insuficientes e apresentavam problemas de corrosão em toda a extensão da ala.

“Se isto não fosse feito, nenhum engenheiro assumiria a responsabilidade sobre a condução dos trabalhos, pois o Mercado não teria segurança para manter a funcionalidade no decorrer do tempo”, explicou o secretário.

De acordo com Américo Pescador, a parte estrutural da edificação foi sofrendo alterações com as várias reformas do local, mas também há problemas que remetem à época da construção.

Em razão disso, foi feito novo projeto estrutural prevendo fundações superficiais em radier, uma espécie de laje feita de concreto e aço que será colocada sobre o solo desta área do Mercado Público. Tecnicamente, o radier servirá tanto para sustentar as colunas quanto as novas paredes divisórias dos boxes e seus equipamentos.

“Tais alterações visam a garantir a solidez que a construção exige no decorrer do tempo e a segurança de todos os trabalhadores e usuários do Mercado Público. Isso não é brincadeira. Isso é coisa muito séria”, reforçou o secretário em exercício.

Além disso, o aditivo assinado na última sexta-feira (12) e publicado no Diário Oficial do Município desta segunda-feira inclui a restauração das duas pontes que ligam as alas Norte e Sul do Mercado Público.

Sobre o aditivo

No diário oficial consta que obra do Mercado recebeu um terceiro aditivo no valor acrescido de R$ 1.921.488,42 e com isso passará a custar 50% a mais do esperado.

Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Obras esta modificação foi necessária já que para fazer o orçamento o prédio estava ocupado por comerciantes. “Assim que o prédio ficou desocupado foi possível ver mais problemas estruturais”.

Em conversa por telefone nesta manhã (15), ao Portal da Ilha, a assessoria informou que ainda não foi comunicada sobre um novo aditivo. Enquanto isso continua a polêmica do Fast Food no Mercado Público, levantado por nossa redação.

(Portal da Ilha, 15/12/2014)

mm
Assessoria de Comunicação FloripAmanhã
A Assessoria de Comunicação da FloripAmanhã é responsável pela produção de conteúdo original para o site, newsletters e redes sociais da Associação. Também realiza contatos e atende demandas da imprensa. Está a cargo da Infomídia Comunicação e Marketing Digital. Contatos através do email imprensa@floripamanha.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *