FEMIC terá etapa na região da Grande Florianópolis
12/03/2008
Procuradora critica lixo e esgoto em rios
12/03/2008

Evitar usar embalagens desnecessárias, usar sacolas retornáveis ou biodegradáveis nas compras de supermercado, reaproveitar e reciclar. Estas são algumas das propostas da campanha Consumo Consciente de Embalagem – a Escolha é Sua, o Planeta é Nosso, lançada hoje (11/03) pela ministra do Meio Ambiente, Marina Silva.
De acordo com a ministra, o objetivo é conscientizar e incentivar a população a buscar embalagens alternativas, que não causem dano ao meio ambiente, “sempre na lógica de que você pode reaproveitar, pode reusar essas embalagens e, em último caso, você tem que reciclá-las”.
Além da conscientização, Marina Silva destacou a importância de políticas públicas que tratem de forma estrutural a questão dos resíduos, sempre no sentido de diminuir a sua produção. “Um passo à frente que nós daremos é voltado para o ecodesign, onde já se vai pensar a embalagem sem desperdício de material”, afirmou.
Outro exemplo de como evitar resíduos é diminuir o uso de sacolas plásticas, comuns nos supermercados. Em substituição, além das sacolas que não são descartáveis, a ministra citou as sacolas de plástico biodegradável, que podem ser utilizadas nas lixeiras domésticas. “Junto com a decomposição do lixo orgânico, a sacola também se decompõe”, lembrou.
Marina Silva disse acreditar que já está em curso uma mudança na cultura dos consumidores, para que eles adotem o consumo consciente: “Eles procuram traduzir em atitude aquilo que manifestam em palavras e, quando os fornecedores aportam o produto que vai ao encontro das suas necessidades ambientais e das suas possibilidades financeiras, eles praticamente estão prontos.”
Exemplos de atitudes conscientes no consumo de embalagens podem ser encontrados na exposição Boas Práticas e Inovações em Embalagens, que marca o lançamento da campanha, no shopping Pátio Brasil, em Brasília. O aposentado José Nery esteve no local e aprovou a iniciativa: “Há muito tempo precisávamos de campanhas como essa. Já estamos sofrendo as conseqüências pela falta de conscientização da população. Pelo menos meus filhos e netos poderão viver em um mundo consciente e limpo.”
A exposição segue até sexta-feira (15/03) e segundo Fernanda Daltro, do Departamento de Economia e Meio Ambiente do ministério, “tudo depende de uma mudança de hábito – consumidores podem usar sacolas próprias e até mesmo caixas para levar as compras, o que provocaria uma mudança no mercado e no meio ambiente”.
Mais informações sobre a iniciativa podem ser encontradas no endereço eletrônico www.mma.gov.br/consumosustentavel.
(Ana Luiza Zenker, Agência Brasil, 11/03/08)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *