Praça
13/04/2007
Congresso discute recursos marítimos
16/04/2007

Vandalismo

Da coluna de Opinião (DC, 14/04/2007).

O respeito ao patrimônio público e os cuidados com a sua conservação constituem um dos melhores indicadores do grau de civilização e civismo de uma comunidade. Neste sentido, a Capital de Santa Catarina ainda tem um longo caminho pela frente. Em Florianópolis, o vandalismo e a depredação do patrimônio coletivo hoje correm à solta. Na Passarela do Samba, como constatou a reportagem, o cenário é desolador, como se por lá, depois do Carnaval, uma legião de bárbaros tivesse passado. Torneiras e portas arrancadas, vidros quebrados, lixo acumulado. Refúgio de vagabundos e drogados. E este é apenas um exemplo entre centenas de outros na Capital, onde uma caterva ignara age em escala, e impunemente. A propósito, não existe uma guarda municipal criada, entre outras finalidades, para zelar pelo patrimônio coletivo?

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *