Prefeitura realiza a segunda edição da Feira Culinária do Imigrante
08/02/2019
Os próximos passos da CPI da ponte Hercílio Luz
08/02/2019

Vão central da ponte Hercílio Luz volta a oferecer risco

O prazo para entrega da ponte Hercílio Luz restaurada, fixado para dezembro de 2019, ficou para trás. Sem nova data para conclusão da obra que já custou mais de R$ 740 milhões, o governo de Santa Catarina, agora, corre contra o tempo para não sofrer com o pior. Com prazo de validade vencida, a estrutura de sustentação do vão central, construída de forma temporária, precisará ser reforçada de forma emergencial para que a obra possa ter continuidade.

Quando foi construída, a sustentação provisória deveria durar tempo suficiente para que a Hercílio Luz estivesse pronta para o uso. No entanto, com os seguidos atrasos no cronograma de entrega, a estrutura provisória perdeu a validade e volta a colocar a obra em risco. Os registros recentes das obras apontam que esta será a terceira vez que a estrutura precisará ser reforçada.

Segundo Deinfra (Departamento Estadual de Infraestrutura), a contratação da obra com dispensa de licitação tem como objetivo “garantir a segurança da população e integridade da estrutura”. Até que a obra de reforço fique pronta, o vão central não poderá receber sobrecarga, sob risco de colapso da ponte. Por outro lado, a não realização da obra neste momento, ainda segundo o Deinfra, traria um custo mensal de R$ 2 milhões aos cofres públicos.

(Confira matéria completa em ND, 07/02/2019)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *