Prefeitura vai reabrir retornos bloqueados na avenida Madre Benvenuta, em Florianópolis
19/10/2018
Frota de carros elétricos e híbridos em SC aumenta mais de 50% em quase dois anos
19/10/2018

PMF implanta Revitaliza Floripa para melhorar paisagem urbana

A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Comcap, vai retirar quase 200 toneladas de resíduos na localidade conhecida como Cabeça do Santo, atrás do Hospital de Caridade, no Mocotó. A ação faz parte do Revitaliza Floripa movimento para recuperação ambiental e sanitária de espaços de uso público e interesse social. Começou na manhã desta quinta e segue até que sejam retiradas pelo menos 30 caçambas, conforme estimado pela Divisão de Remoção da Comcap.

Depois da limpeza, a Comcap tratará com a Infraestrutura de melhorar o acesso e de instalar um ponto de entrega voluntária (PEV) de resíduos para evitar que volte a se formar a montanha de lixo que ameaça os moradores com riscos de deslizamentos e de proliferação de vetores de doenças. A Comcap mantém uma caixa estacionária e gari fixo na Cabeça do Santo para auxiliar os moradores a destinar os resíduos de forma adequada.

“Nosso trabalho junta informação e educação sanitária e ambiental para melhorar a vida das pessoas, promover a saúde e melhorar a paisagem urbana”, aponta Nilda de Oliveira. A meta é zerar os pontos de descarte irregular de resíduos existentes em Florianópolis. “Temos conseguido integrar também a sociedade nesse esforço de tornar a capital lixo zero. O verão está chegando, estamos correndo contra o relógio para eliminar focos de doença”, comenta a diretora.

Marli de Fátima Cavalheiro Lima Pereira veio de Lages e mora há mais de 40 anos na Cabeça do Santo. A comerciária está preocupada em evitar a proliferação de mosquitos, por isso tenta evitar recipientes com água parada dentro do terreno.

Fim de ponto de descarte na PC3

Na noite de quarta, a ação do Revitaliza Floripa ocorreu no Jardim Atlântico em reunião com moradores. Neste sábado, a partir das 8h, será realizado mutirão para plantio de árvores na Rua Nossa Senhora do Rosário, próximo à igreja, onde a comunidade decidiu acabar com ponto de descarte irregular de lixo. “Vamos devolver esses espaços e aí os moradores vão nos ajudar a cuidar deles”, anima-se Nilda.

O movimento de revitalização de espaços de uso público, explica a diretora de Operações da Comcap, Nilda de Oliveira, é colaborativo e envolve diversos setores da Prefeitura de Florianópolis como secretarias de Saúde, Continente, Infraestrutura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Ipuf, Floram, Esportes. Nas áreas em que são necessárias abordagens de rua, como sob o viaduto da Via Expressa, na Josué di Bernardi, limite com São José, além da Assistência Social da PMF, abrange Ministério Público, Conseg e CDL Florianópolis.

(PMF, 18/10/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *