Clipping

Emendas legislativas esquecem região continental de Florianópolis




Da Coluna de Fabio Gadotti (ND, 09/12/2017)

Reflexo da fraca representação parlamentar, o Continente foi relegado a um segundo plano nas emendas previstas pelos vereadores de Florianópolis para investimento no ano que vem. O Norte da Ilha é a região que, proporcionalmente, recebeu mais atenção e o Sul, que nas últimas campanhas eleitorais têm reclamado de ser abandonado pelas sucessivas administrações municipais, vai ser aquinhoado com obras e projetos que somam cerca de R$ 2,5 milhões. De modo geral, a grande maioria das sugestões apresentadas pelos vereadores garante tradicionais obras de infraestrutura, como pavimentação de vias públicas, mas por pressão de alguns gabinetes algumas sugestões para saúde e educação foram incluídas.

Vai ser a primeira vez que as emendas parlamentares vão ser impositivas, ou seja, terão que obrigatoriamente serem cumpridas pela gestão Gean Loureiro (PMDB) no ano que vem.  O governo municipal está tranquilo com a execução do que está sendo proposto, segundo o secretário da Casa Civil, Filipe Mello. Ele disse que as conversas com os vereadores da base foram freqüentes e que os remanejamentos que se fizeram necessários já foram discutidos no âmbito da LOA (Lei Orçamentária Anual).



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.