Clipping

O primeiro passo para se tornar uma cidade inteligente




Recentemente, a indústria deu muito destaque para o tema de cidades inteligentes, pois ela promete resolver muitos dos desafios tecnológicos que as cidades enfrentam atualmente. De acordo com um Infobrief do IDC, “O papel do Wi-Fi público na construção de cidades inteligentes”, estas soluções podem ajudar as cidades a:

• Gerar desenvolvimento econômico
• Gerenciar de forma sustentável infraestruturas críticas como estradas e o fornecimento de água
• Aumentar a inclusão digital
• Atender às crescentes expectativas de moradores, visitantes e empresas em torno de uma experiência móvel totalmente conectada

Os líderes das cidades estão adotando o conceito de cidades inteligentes porque ele promete entregar uma nova forma de viver através de tecnologias inovadoras, resolver alguns dos seus maiores desafios em áreas como transporte, gestão de resíduos, iluminação pública e muito mais. As cidades inteligentes utilizarão tecnologias da chamada Internet das Coisas, onde as ‘coisas’ são construídas em torno de vários tipos de sensores e conectadas à Internet através de opções de conectividade, incluindo acesso Wi-Fi, ZigBee, BLE (Bluetooth Low Energy), LORA e os outros.

Cada uma dessas tecnologias sem fio tem suas próprias vantagens exclusivas, sem nenhum protocolo como padrão para a Internet das Coisas. Como ainda não existe um padrão definitivo, alguns líderes técnicos das cidades estão deixando de dar andamento ao planejamento de suas cidades inteligentes até que o mercado determine a opção de conectividade vencedora.

Os líderes das cidades estão certos de que, apesar das várias opções de conectividade, construir uma rede sem fios é o primeiro passo para se tornar uma “cidade mais inteligente”. Para automatizar qualquer processo e transferir informações, existe a necessidade de estabelecer uma rede por toda a cidade. O sucesso da tecnologia Wi-Fi tem incentivado muitas prefeituras a examinar formas de construir um acesso Wi-Fi que cubra toda a cidade — ajudando a conectar vários sistemas, do transporte até a gestão de resíduos, iluminação pública e outros.

De acordo com o Infobrief do IDC, a conectividade Wi-Fi fornece a camada fundamental para uma cidade inteligente e outros benefícios, incluindo:

• Fornecer uma cortesia para moradores, estudantes, visitantes e turistas: as pessoas esperam estar conectadas a qualquer hora e isso não é diferente quando as pessoas estão dentro dos limites da cidade. O Wi-Fi ajuda as cidades a atender as expectativas de todas as pessoas.

• Aumentar a inclusão digital: mais de 30% da população mundial ainda não possui acesso à Internet. Na economia digital de hoje, é imperativo que quem deseja acessar a Internet seja capaz de fazer isso. O Wi-Fi pode ajudar as cidades a aumentar a inclusão digital.

• Habilitar a Internet das Coisas: conforme citado anteriormente, a Internet das Coisas será algo muito grande. No entanto, o mercado de Internet das Coisas está fragmentado e selecionar a melhor tecnologia pode ser uma aposta arriscada. As redes Wi-Fi não apenas suportam alguns aplicativos de Internet das Coisas, mas também podem ser facilitadora de soluções de Internet das Coisas ao suportar várias tipos de tecnologias sem fio.

Wi-Fi é uma método de acesso que veio para ficar, com tecnologia comprovada. Ele fornece às cidades atuais muitos benefícios, incluindo conectividade, dados e insights que podem torná-las mais inteligentes. O Wi-Fi público está aqui agora e estará aqui no futuro. Como um dos casos de uso mais amplamente implantados, é um grande primeiro passo para as cidades se tornarem ‘inteligentes’.

(Dino, 23/10/2017)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.