Clipping

PRF solicita mudança em lombadas eletrônicas na BR-101 entre Palhoça e Biguaçu




A PRF (Polícia Rodoviária Federal) encaminhou para a Autopista Litoral Sul, concessionária da BR-101, um pedido para substituir os radares do tipo pórtico da rodovia por outros fixos entre Palhoça e Biguaçu. A ideia é diminuir a mudança brusca na velocidade dos veículos, evitando lentidão no trânsito no trecho de área urbana.

De acordo com o diretor de comunicação da PRF, Adriano Fiamoncini, a intenção é evitar o “efeito sanfona” nos pontos próximos ao radar, o que tem provocado congestionamentos e até mesmo colisões devido à redução brusca de velocidade.

“A sugestão é para que as lombadas eletrônicas do tipo pórtico sejam substituídas na área urbana da BR-101 por radares fixos, logicamente sinalizados, a cada três quilômetros. A rodovia hoje tem velocidade máxima de 100km/h, depois passa a 80km/h nos pontos próximos aos radares e, não sabemos o porquê, alguns motoristas passam no local a 60km/h, bem abaixo do limite”, afirma.

Conforme Fiamoncini, a proposta também sugere que seja delimitado um trecho de área urbana, com velocidade fixa a 80km/h. Assim, após esse trecho, o motorista poderá voltar a andar a 100km/h.

Leia na íntegra em Notícias do Dia Florianópolis, 20/03/2017.



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.