Clipping

Manifesto de 33 entidades defende medidas para o desenvolvimento de Florianópolis




Assinado por 33 entidades privadas, que representam 80% da economia de Florianópolis, o manifesto Um Futuro Melhor Para Florianópolis, publicado nesta quarta-feira (15) nos principais jornais da cidade, surge num dos momentos mais delicados da administração municipal. Com ênfase no Plano Diretor, o grupo demonstra apoio às medidas adotadas pelo recém-empossado prefeito Gean Loureiro (PMDB) como saída para os desafios da cidade.

“Florianópolis está empobrecendo e se não conseguirmos ter novas estruturas, como no turismo, por exemplo, a cidade não vai conseguir o desenvolvimento que queremos”, afirmou Leandro Mané Ferrari, presidente da Actmar e do Fortur, que assinam o manifesto. O grupo ainda frisa que a cidade atravessa momento de aumento dos indicadores de “desemprego, miséria, desagregação de famílias e violência”.

De acordo com Lidomar Bison, presidente da CDL, as propostas feitas pela atual gestão são necessárias para racionalizar a máquina pública, promover uma melhor qualidade de vida à população e impulsionar o desenvolvimento da cidade.

“Desde o início da gestão, o prefeito tem motivado os florianopolitanos com um discurso positivo e animador. Tem feito investidas para promover a legalidade que tanto reclamamos e a CDL entende que estes esforços são imprescindíveis para colocar a administração pública em ordem”, afirmou Bison.

Segundo o grupo, as novas leis aprovadas na Câmara de Vereadores desburocratizam processos administrativos, incentivam as parcerias público-privadas e enxugam a máquina pública.

Propostas alinhadas às ações da prefeitura

O prefeito Gean Loureiro recebeu de forma positiva o manifesto do fórum e afirmou que a nota “faz um contraponto a uma minoria barulhenta que está criticando os projetos específicos que alteram o funcionalismo”, fazendo clara referência ao movimento grevista.

Gean afirmou que a maioria dos projetos aprovados pela Câmara tem como objetivo o desenvolvimento municipal. “A cidade tem um prefeito que tem coragem de tomar medidas para o desenvolvimento”, afirmou.

Depois de um mês de greve e com serviços públicos afetados, os servidores municipais voltam a se reunir nesta quinta-feira em assembleia para avaliar o movimento. Pela manhã, trabalhadores da Comcap farão uma assembleia para decidirem se também paralisam os serviços em apoio aos servidores municipais. Durante a tarde, o movimento vai realizar ato e deve sair em passeata pelas ruas da cidade.

Plano Diretor é ponto importante

Dez anos depois de iniciar os trabalhos para elaboração de um Plano Diretor para Florianópolis, o delegado federal aposentado Ildo Rosa retorna ao Ipuf (Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis) para coordenar o Plano Diretor do município.

Conhecedor da matéria, Ildo Rosa afasta a possibilidade de atender aos pedidos do fórum, que quer a implantação do plano aprovado em 2014 com prazo de 180 dias para que a novas gestão possa aprimorá-lo.

“A fase de discutir isso já passou. Grande parte das entidades que assinam o documento são representadas no Núcleo Gestor. O processo está judicializado, e não serei eu ou o Gean que irão tomar uma decisão à margem da decisão judicial”, afirmou.

Leia na íntegra em  Notícias do Dia Florianópolis, 15/02/2017.



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.