Clipping

Biguaçu vai proibir entrada do lixo da Capital no aterro




A prefeitura de Biguaçu vai proibir a entrada do lixo proveniente de Florianópolis no aterro sanitário do município, porque a Capital nunca pagou a Taxa de Preservação Ambiental TPA acordada em 2011 e em vigor desde 2012. A dívida gira em torno de R$ 3 milhões. Os outros 21 municípios que depositam o lixo em Biguaçu pagam a taxa, que é repassada a Biguaçu pela empresa responsável pelo aterro, a Proactiva. A Procuradoria Jurídica da Prefeitura de Biguaçu recomendou a interdição do lixo florianopolitano e deve ainda recorrer à Justiça para cobrar o valor acumulado desde 2012.

(Por  Carlos Damião, Notícias do Dia Florianópolis, 16/12/2016)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.