A arte de ensinar
11/02/2008
Ecoturismo cresce mais de 20% ao ano
11/02/2008

Da coluna de Visor (DC, 11/02/08)
Na Lagoa da Conceição, um dos mais badalados bairros de Florianópolis, vivem hoje cerca de 50 mil pessoas, e pode-se dizer que ela resume boa parte dos problemas que a Capital e outras cidades litorâneas de Santa Catarina enfrentam.
À população fixa somam-se na alta temporada dezenas de milhares de visitantes, o que só agrava uma situação que já se aproxima do caótico. A cobertura de saneamento básico é pífia, a ocupação desordenada avança, o sistema viário praticamente entra em colapso com a chegada dos turistas, há deficiência crônica em serviços como o de segurança pública.
Embora especialistas venham há anos alertando para a necessidade de se promover ações que assegurem a preservação ambiental, sob pena de a lagoa tornar-se inóspita para a maioria das espécies que hoje a habitam, ainda assim os investimentos em saneamento básico dão-se tímida e lentamente. O mesmo ocorre com relação aos problemas afetos ao trânsito.
Disso tudo depreende-se o óbvio: os poderes públicos não vêm atuando com a eficiência. A Lagoa da Conceição e seus moradores pedem socorro. Que sejam atendidos o quanto antes.

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *