Clipping

Árvores

Carta escrita por Luiz Carlos Pôrto (Manezinho da Ilha) – Engenheiro Sanitarista e Ambiental, Americana/SP (Blog do Cacau Menezes, 08/01/2008) Sua coluna de domingo foi muito feliz em abordar dois assuntos em separado, mas que têm estreita ligação. Você mencionou o frescor de uma árvore no verão. Olha como a natureza é sábia. No inverno, quando precisamos de calor, as árvores estão sem folhas, para… »»

Floripa Tem diversifica opções no verão

A programação da segunda semana do Floripa Tem é diversa, inclui shows, aulas de esportes radicais, trilhas, passeios turísticos e de barco e música eletrônica em vários horários e locais. O evento de verão é realizado em cinco pontos estratégicos, chamados de “embaixadas”, distribuídos pela avenida Beira-mar Norte (em frente ao Trapiche Municipal), Jurerê, Praias Brava e Mole e Lagoa da Conceição. Praticamente todas as… »»

ACUDA, SÃO PEDRO!

Do Blog de César Valente (De Olho na Capital, 09/01/2008) Não sei se vocês estão acompanhando a história do cadeião em São Pedro de Alcântara. O pacato município da Grande Florianópolis já hospeda uma penitenciária e o gentil, sutil e sensível governo LHS, com o boné do Benedet à frente, quer também enfiar lá um cadeião, que é uma espécie de casa de triagem de… »»

Árvores vão compensar a poluição

O município prepara neste ano o projeto Carnaval Carbono Zero, através do qual pretende calcular o nível de poluição gerado pelo desfile das escolas na passarela Nego Quirido. A intenção é plantar a mesma quantidade de árvores em áreas degradadas de Florianópolis, como na região do Maciço do Morro da Cruz, no Parque da Lagoa do Peri e nas praias de Canasvieiras e Ingleses, Norte… »»

Bombando ou Exagero

Do Blog do Cacau Menezes (07/01/2008) A Ilha de Santa Catarina este ano, realmente está em todas. A mídia não pára de falar. A capa da Veja São Paulo desta semana, como Cacau já adiantou há 15 dias, traz a seguinte manchete: “O balneário dos bacanas”, referindo-se obviamente, a Jurerê Internacional. Segundo a revista, “mansões, gente bonita e muita badalação fazem da praia de Jurerê… »»

Greenpeace das estradas

Artigo de José Roberto de Souza Dias – Professor adjunto da UFSC e ex-diretor do Denatran (A Notícia, 08/01/2008) Ao longo dos anos, a imprensa estampa atrocidades da guerra: de um lado, a força dos exércitos mais poderosos do mundo; de outro, guerrilheiros que compensam o poder tecnológico com ousadia, tática e fanatismo religioso. É lógico inferir-se que as guerras são a principal causa das… »»

Celesc vai investir R$ 28,5 milhões em obras de energia em Palhoça

Em reunião realizada ontem (07/01), na Celesc, o Secretário Regional da Grande Florianópolis, Valter Galina, oficializou o investimento de R$ 28,5 milhões em obras de infra-estrutura para o serviço de prestação de energia elétrica em Palhoça. Ficou decidido que o investimento será realizado em três etapas: A primeira, no valor de R$ 8,5 milhões, será construída uma subestação de energia elétrica com capacidade de 34,5… »»

Movimento Ecológico Planetário

Artigo de Elpídio Neves – Mestre em Administração/UFSC e presidente estadual do PTC (Paulo Alceu, 21/12/2007) Em 1972 estávamos na cachoeira do contestado, em Irani, eu, Paulo Messa e Dirceu Pereira fazendo Trakking, Raffting e turismo rural. Ao mesmo tempo em Estocolmo, na Suécia, a ONU reunia-se pela primeira vez, para debater os problemas do meio ambiente, poluição térrea, aérea, marítima, efeito estufa e o… »»

Fatma divulga 6º relatório de balneabilidade

A Fundação do Meio Ambiente (Fatma) divulgou neste sábado (05/01) o 6º relatório de balneabilidade. Aumentou o número de pontos impróprios para banho, de 45 para 66. Desses pontos, 23 estão nas praias da Grande Florianópolis. De acordo com o responsável pelo laboratório da Fatma, Marlon Daniel Silva, esses valores não surpreendem. “Pelo contrario, confirmam nossas previsões. O grande número de pessoas nas praias, aliado… »»

Aquecimento global pode ser causa da proliferação de mães-d’água

A proliferação crescente de mães-d’água no mar brasileiro, especialmente nas praias das regiões Sul e Sudeste, tem causado desconforto aos banhistas. Isso porque os tentáculos dos animais provocam queimaduras na pele. As medusas são atraídas pelas águas quentes, portanto, alerta, o biólogo e professor do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (USP), Vicente Gomes, o fenômeno pode ter ligação com o aquecimento global. (DC,… »»

Página 1.985 de 2.167«...1020...1.9841.9851.986...1.9902.000...»