Pesquisadores registram interação entre orcas e baleias-francas no Sul de SC
14/08/2019
Ordem de demolição surpreende dono de restaurante instalado em área de preservação
14/08/2019

Falta de água na Grande Florianópolis deve ser resolvida em 15 dias, diz Casan

Após um mês de falta de água na Grande Florianópolis, a Casan anunciou na manhã desta terça-feira (13) que o problema deve ser resolvido em 15 dias. Durante coletiva de imprensa, a companhia explicou que, nesse período, fará a instalação de três bombas no Rio Cubatão, que devem melhorar a vazão de litros por segundo da água. Atualmente, 70% do abastecimento na região é feito a partir do Rio Vargem do Braço, cujo manancial está entre 30% e 40% abaixo do normal. Com as novas bombas, caso a situação dos rios não piore muito, o desabastecimento atual na região será suprido.

Segundo o engenheiro Joel Horstmann, da Casan, a companhia prevê ainda, para junho de 2020, o início da operação de uma nova adutora no Rio Cubatão. Os projetos estariam em andamento e o valor estimado para os trabalhos é de R$ 25 milhões. Conforme o engenheiro Fabio Krieger, a nova adutora no Rio Cubatão fará a Casan deixar de ser “refém” do Rio Pilões, que é mais suscetível às variações em tempos de seca.

(Leia matéria completa em NSC, 13/08/2019)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *