Projeto prevê mais arenas esportivas na Beira-Mar Norte, em Florianópolis
06/05/2019
Entrevista: “Temos um grande número de ocupações irregulares em Florianópolis”
06/05/2019

Levar empresas da nova economia, também chamada de economia criativa para a parte leste do Centro Histórico da Capital deve garantir novo fôlego para a região, que também já foi declarada como de interesse cultural. Com a movimentação constante de trabalhadores, prestadores de serviços e clientes tanto dessas empresas quando dos bares e restaurantes, há menos risco de a área ficar deserta e aos poucos ser abandonada pelo restante da população. Foi o que aconteceu em áreas centrais de cidades importantes, como São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador, por exemplo, onde o abandono permitiu a presença mais frequente de moradores de rua, desvalorizou imóveis e favoreceu tanto o vandalismo quanto o aumento da criminalidade.

Os últimos dois encontros realizados para discutir a questão mostram que o poder público e a sociedade estão preocupados com essa possibilidade e plenamente envolvidos na construção das alternativas até agora colocadas: a cultura e economia criativa. As atividades podem ser consideradas ideais, também, porque podem garantir a preservação do contexto histórico e arquitetônico da região: não exigem grandes alterações ou a construção de grandes galpões ou estruturas como as empresas tradicionais.

A escolha da economia criativa também casa com o momento do setor de tecnologia, que permanece em expansão na Capital, mesmo com a crise enfrentada pelo pelos demais setores produtivos do País desde 2014. A expectativa é de que o maior número de empreendimentos a ocupar espaços na região seja mesmo da área de tecnologia. Para instalação devem ser oferecidos incentivos fiscais e até menos pequenas obras de infraestrutura urbana, ainda em estudo.

(Editorial ND, 06/05/2019)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *