Projeto de educação patrimonial na Fortaleza de São José da Ponta Grossa abre agendamento para escolas
14/03/2019
Ilha vai precisar de rede alternativa da Casan durante obras de recuperação das pontes
14/03/2019

Empresa que fará reforma e engenheiros participam de vistoria nas pontes Pedro Ivo e Colombo Salles

Representantes da Cejen Engenharia e da Engevix estiveram na manhã desta quarta-feira (13) em vistoria das pontes Pedro Ivo Campos e Colombo Machado Salles, em Florianópolis. As empresas farão a reforma e a fiscalização das obras na estrutura, respectivamente. A vistoria foi coordenada por engenheiros da Secretaria de Estado da Infraestrutura.

A ordem de serviço para início das obras foi assinada em 28 de fevereiro. Conforme o Governo do Estado, o prazo de conclusão das obras é de 24 meses.

A vistoria desta quarta, segundo a secretaria, está entre as ações previstas no cronograma de obras e teve como objetivo identificar os pontos críticos por onde a reforma deve começar. O calendário de execução da obra vai começar a ser elaborado a partir dessa vistoria.

Na terça (12), o secretário de Estado da Infraestrutura, Carlos Hassler, recebeu representantes da Celesc, Casan, SCGás, SQE Luz e Unifique para alinhar a coordenação do trabalho que será feito para evitar interrupções nos serviços de água, gás, telefonia, internet e televisão durante as obras.

Exigência da Justiça
A reforma das pontes é uma exigência da Justiça desde 2016. Em 21 de fevereiro, também foi feita uma intimação da Justiça ao Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) para comprovar o início das obras de restauração em 15 dias.

O estado vai pagar R$ 29.661.611,40 para empresa responsável pelas obras, a Cejen Engenharia Ltda., de Curitiba, escolhida ainda em 2016. Outros R$ 1.335,771,61 vão para a empresa de fiscalização, a Engevix Engenharia, que teve o contrato homologado em 21 de fevereiro, após o edital ser questionado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

A Ponte Colombo Salles foi inaugurada há mais de 40 anos, enquanto a Pedro Ivo Campos, há 27 anos. Juntas, têm uma extensão total de 2.478,11 metros. Nenhuma delas passou por grande reforma desde a inauguração, quando o tráfego de veículos era menor.

(G1SC, 13/03/2019)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *