Ipuf justifica decisão de embargo da obra da igrejinha da UFSC
07/03/2019
Desenvolvimento do Sul da Ilha
07/03/2019

Ativista diz que ciclistas “não podem ser esquecidos” nas obras de infraestrutura

Da Coluna de Fabio Gadotti (ND, 06/03/2019)

O ativista Fabiano Faga Pacheco, da Amobici (Associação Mobilidade por Bicicleta e Modos Sustentáveis), reagiu aos questionamentos feitos pelo Deinfra (Departamento Estadual de Infraestrutura) sobre a lei que cria o Sistema Cicloviário de Santa Catarina. O departamento fez uma análise do texto, publicado em janeiro pelo governo do Estado, em ofício enviado à Casa Civil.

Sobre os espaços destinados ao acesso e circulação de bicicletas, Fabiano lembrou que o Código de Trânsito Brasileiro e a Política Nacional de Mobilidade Urbana dão clara preferência aos pedestres e ciclistas. “Isso quer dizer que ambos não podem ser esquecidos nem na fase de instalação e nem na de operação de uma obra”, afirmou.

Ele pontuou ainda que eventuais lacunas na lei, apontadas pelo Deinfra, devem ser resolvidas por meio de decreto ou projeto de lei do governo do Estado.

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *