Sem dinheiro para projeto completo, Estado fará obra paliativa na SC-401
28/10/2018
Ponte Hercílio Luz, em recuperação, está sem projeto de iluminação
28/10/2018

Florianópolis terá laboratório de pesquisas voltadas à energia eólica

Da Coluna de Estela Benetti (NSC, 26/10/2018)

O governador Eduardo Pinho Moreira e o presidente da Engie Brasil Energia Eduardo Sattamini assinaram quinta-feira um convênio que permitirá instalar em Florianópolis o Engie Lab Brasil, primeiro centro global de pesquisas e inovação da multinacional europeia de energia no país.

O laboratório fará pesquisas voltadas a energias renováveis de geração eólica, solar, biogás e hidrogênio. A unidade também tem apoio da Apex-Brasil, agência de promoção de investimentos estrangeiros.

– Energia é um insumo fundamental para o desenvolvimento, mas também é importante que nós tenhamos uma visão para a questão ambiental. E é isso que nós estamos fazendo aqui agora, por meio dessa parceria entre o governo do Estado, a prefeitura, a ENGIE e entidades representativas – disse Moreira.

Conforme Sattamini, o Engie Lab começa com uma infraestrutura pequena, mas é grande em projetos. Somente as pesquisas sobre baterias terão aporte de R$ 25 milhões e a verba de pesquisa e desenvolvimento anual da nova instituição será de R$ 10 milhões a R$ 15 milhões por ano. Acompanharam a assinatura do convênio também o prefeito da Capital Gean Loureiro e os secretários de Estado Paulo Eli (Fazenda) e Adenilso Biasus (Desenvolvimento).

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *