Pendências para retomada de obras da ponte da Barra da Lagoa estão próximas do fim
14/08/2018
Apesar da vista deslumbrante, pontos turísticos de Florianópolis precisam de manutenção
14/08/2018

Projeto deve inserir educação no trânsito no currículo de escolas da Grande Florianópolis

No cumprimento de uma determinação do CTB (Código de Trânsito Brasileiro), o Dnit-SC (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) e a UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) lançaram nesta segunda-feira (13), em Florianópolis, o projeto escola “Percepção de risco no trânsito”. O objetivo é inserir de forma transversal nas disciplinas escolares do ensino fundamental, do 1º ano ao 9º ano, o conceito de educação para o trânsito em estabelecimentos de ensino público a um raio de dois quilômetros de rodovias federais. Seis escolas estaduais e duas municipais, em Santo Amaro da Imperatriz, Palhoça e Florianópolis, serão as contempladas neste primeiro momento.

A intenção é a redução no número de acidentes de trânsito que, em 2017, mataram 6.244 pessoas nas rodovias federais em todo o país. “Teremos um portal com todo o material específico sobre o trânsito que poderá ser utilizado de forma transversal nas disciplinas básicas, como matemática e português. O portal também será aberto a toda e qualquer escola, das redes pública ou privada, mesmo que estejam distante das rodovias federais. Queremos inverter o processo de educação no trânsito, onde a criança identifique os delitos dos próprios familiares”, explica a chefe dos serviços de operação do Dnit-SC, Juliana Dias Wutke.

Os professores das oito escolas da Grande Florianópolis participaram de uma capacitação com os profissionais do LabTrans/UFSC (Laboratório de Transportes e Logística), que desenvolveram o projeto. O coordenador do laboratório, Flavio De Mori, informou que os professores receberão os materiais com objetivo de inserir trânsito no dia a dia das disciplinas.

(Confira matéria completa em ND, 14/08/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *