Lançado edital de serviço de locação de bicicletas compartilhadas
16/07/2018
A força de trabalho que dá velocidade às obras da ponte
16/07/2018

Santa Catarina está 100% conectada por fibra ótica

Da Coluna de Estela Benetti (NSC, 16/07/2018)

Relatório recente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informa que 100% dos municípios de Santa Catarina estão conectados por fibra ótica. Este é um diferencial competitivo que só se iguala ao Distrito Federal e ao Rio de Janeiro. Segundo a agência, a média nacional é de 62% das cidades conectados e a meta é chegar a 75% em 2022. Esse tipo de ligação permite melhor qualidade de serviços de internet banda larga, o que facilita o tráfego de dados sem oscilações.

Na opinião da executiva Silva Folster, presidente da Cianet, empresa de tecnologia de Florinaópolis que desenvolve soluções para provedores de internet com atuação em todo o país, o custo da infraestrutura em fibra ótica ainda é um entrave à expansão da banda larga no país.

– É um fator determinante para o alcance da meta da Anatel. Além disso, há necessidade de mão-de-obra especializada e de um maior legado tecnológico – explica.

De 2015 a 2017, o total de acessos por fibra ótica no país cresceu 630% no mercado de provedores, saltando de 128 mil para 936 mil. A Cianet investe em inovação para integrar inteligência artificial às suas soluções numa parceria com a IBM.

Para o diretor da vertical Conectividade da Associação Catarinense de Tecnologia (Acate), Diego Brites Ramos, o Brasil precisa promover uma política de conectividade imediatamente, se não ficará isolados no subdesenvolvimento do mundo virtual. Também diretor da Teltec Solutions, outra empresa de tecnologia da Capital, ele alerta que o Brasil precisa regular a área de infraestrutura de tecnologia da informação e comunicação.

– Temos de ter suporte de qualidade aos investimentos em tecnologia da informação que, só no ano passado, somaram US$ 38 bilhões no Brasil, colocando nosso país em 9o lugar no ranking mundial – informou Ramos.

O país precisa regular o setor e fazer um controle rígido, na defesa dos interesses dos consumidores.

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *