Por um saneamento integrado
04/06/2018
II Conferência Municipal de Saneamento de Florianópolis tem participação da comunidade
04/06/2018

Projeto monitora toninhas na APA da Baleia Franca

O Projeto Toninhas, desenvolvido pela Univille, com recursos da Petrobrás, que há 15 anos monitora a população de toninhas (Pontoporia blainvillei) que vive na Baía da Babitonga, no norte de Santa Catarina, estendeu suas atividades para o território da APA da Baleia Franca. A iniciativa tem apoio do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade por se tratar de uma das espécies de golfinho mais ameaçada de extinção no planeta. A FloripAmanhã é uma das entidades com representação no Conselho Gestor da APA da Baleia Franca.

Recentemente, foi instalado um hidrofone em frente à praia de Itapirubá para registrar o som emitido pelas toninhas. A espécie produz um som bem característico que permite distingui-la de outras espécies de golfinhos. Portanto, através do registro sonoro é possível dizer se a toninha esteve presente naquela área.

A colocação desse primeiro hidrofone foi para testar a metodologia em mar aberto. Até o final de maio o equipamento será recolhido para que se possa processar e analisar os dados coletados. Caso a metodologia se mostre eficaz, esses equipamentos serão colocados em outras regiões da APA Baleia Franca. Com os dados, será possível compreender melhor o padrão de distribuição dessa espécie na APA.

O bolsista Jonatas Prado, contratado pelo Funbio/GEF Mar para apoiar as ações da UC referentes à conservação dos cetáceos, participou da instalação do equipamento, que foi realizada com apoio de pescadores artesanais de Itapirubá. Além da atividade de campo, a equipe do Projeto realizou reuniões na sede da unidade de conservação, para discutir os objetivos e a metodologia do projeto.

Segundo o bolsista, esse projeto tem uma grande importância para a conservação da toninha, pois existem poucos estudos sobre a espécie na região da APA da Baleia Franca. Ele enfatiza que os estudos direcionados à toninha nessa UC está em concordância com as ações previstas no Plano de Ação Nacional para a Conservação da Toninha. “A obtenção de informações a respeito da sua biologia e ecologia será decisiva para a elaboração de propostas de conservação para a espécie na APA”, ressalta o bolsista.

O chefe da APA da Baleia Franca, Cecil Barros, avalia que esta é uma ótima oportunidade de conhecer melhor nossos recursos naturais e é um privilégio poder contar com o Projeto Toninhas. “Esse projeto tem toda a competência acumulada ao longo dos seus 15 anos de pesquisas, para que possamos adotar ações de manejo voltadas especificamente para a proteção desta espécie. Fico muito feliz que esta iniciativa conte com o apoio dos pescadores artesanais de Itapirubá, considerando que uma das prioridades da gestão da UC é justamente a participação e empoderamento das comunidades tradicionais”, defende Cecil.

(ICMBio, 29/05/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *