Secretaria do Continente oferece credencial de vagas de estacionamento para idosos e portadores de necessidades especiais
28/06/2018
Polo de nanotecnologia
28/06/2018

Nova linha de energia para Florianópolis custará R$ 647 milhões

Da Coluna de Estela Benetti (NSC, 28/06/2018)

Um dos poucos setores de infraestrutura que têm uma política de investimentos de médio e longo prazo no Brasil é o de energia. Prova disso é o leilão de transmissão que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) realiza hoje, com 20 lotes, para a construção de 2,6 mil quilômetros de linhas no país, orçados em cerca de R$ 6 bilhões. Um dos lotes é linha de 230 kV (rede básica de alta tensão) entre Biguaçu e Ratones, no Norte da Ilha de SC, com 28,6 quilômetros de extensão, orçada em R$ 646,87 milhões. Terá 10 quilômetros aéreos, 13 subaquáticos e 5,5 subterrâneos. O objetivo é atendimento às cargas da região metropolitana de Florianópolis. Durante a construção, serão gerados 1.293 empregos diretos.

A expectativa do mercado é que os lotes sejam muito disputados, especialmente por multinacionais. Entre os consórcios que disputarão o Lote 1, para Florianópolis, está o integrado pela Celesc, com 10% do capital, e a portuguesa EDP Brasil, com 90%. As duas são novatas em leilões de grandes obras de transmissão no Brasil. Estrearam juntas ano passado e venceram leilão para cinco linhas em SC, orçadas em R$ 1,3 bilhão, que já estão sendo executadas.

Outra empresa que vai participar do certame de amanhã e estreou na transmissão no país no ano passado é a Engie Brasil. A companhia não informou que lotes vai disputar. O projeto catarinense dará mais segurança para investimentos na região. A Ilha já conta com acesso de energia pela ponte Colombo Salles e pelo Sul.

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *