Comitiva do COMDES visita secretários de Infraestrutura e Planejamento do governo do Estado
21/06/2018
Reitoria da Udesc tem todos os setores certificados com Selo Lixo Zero
22/06/2018

MPF quer suspensão da pesca artesanal de tainha

A suspensão da pesca industrial de tainha, por ter atingido a cota de captura, levou o Ministério Público Federal (MPF) do Rio Grande do Sul a pedir a suspensão também da pesca artesanal de emalhe anilhado, como uma espécie de “compensação” _ o que provocou reação dos pescadores.

O problema é que, no fim das contas, a pesca industrial acabou capturando o dobro do que havia sido estimado. A safra teve capturas muito acima do esperado, e como atrasou a contagem do volume, a cota acabou superada.

Segundo dados do Ministério do Meio Ambiente (MMA) sobre o controle das cotas, atualizados na segunda-feira, a pesca artesanal de emalhe anilhado está perto de 70% do limite máximo, com 834 toneladas de tainhas capturadas. Por enquanto, o MMA não interrompeu a pesca para a modalidade.

(NSC, 21/06/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *