“Rei da ostra” de Floripa tem peixes e frutos do mar apreendidos
11/05/2018
Plataforma mecaniza a colheita de mexilhões em SC
14/05/2018

Tecnologia para transformar a gestão pública

Pesquisa e tecnologia a serviço da gestão pública
Essa é a estratégia que os líderes governamentais do mundo todo estão usando para enfrentar os desafios de servir à população. O estado do Ceará é um dos que resolveram investir nessa frente e acaba de dar um passo importante. No último dia 16 de abril, o governo cearense, por meio do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), órgão vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), lançou o Centro de Análise de Dados e Avaliação de Políticas Públicas (Capp) e, dentro dele, o projeto do Big Data Ceará. Programa inédito no País, o Big Data atuará na coleta de informações de todas as áreas de atuação do governo do estado e de outras fontes, que passarão por um profundo trabalho de análise, usando técnicas como inteligência artificial. A ideia é que esses dados possam nortear as decisões dos gestores públicos nas diversas políticas setoriais do Ceará.

Integração entre academia e sociedade
Essas iniciativas só foram possíveis porque a Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) receberá um orçamento mais robusto, de aproximadamente R$ 2 bilhões, até 2027, para poder ampliar sua atuação. A medida visa permitir o planejamento de ações que deverão aproximar mais as instituições acadêmicas de vários setores da sociedade. Outra iniciativa possível graças à política de incremento à tecnologia e à pesquisa foi a criação do Programa de Inovação em Políticas Públicas. O principal objetivo é atrair e compartilhar com as universidades pesquisadores de alto nível e trazê-los para trabalhar em benefício da administração cearense, desenvolvendo pesquisas aplicadas e voltadas para melhorar a gestão e os serviços oferecidos à população. O programa prevê a presença de um cientista chefe, que será responsável por identificar as ações de ciência e tecnologia que podem ser desenvolvidas em cada uma das áreas estratégicas do estado. Dentre as principais beneficiadas estarão segurança pública, educação, recursos hídricos e planejamento.

Os novos investimentos da Funcap deverão trazer benefícios. Entre eles, destacam-se o incremento do apoio à formação de novos pesquisadores por meio de projetos já existentes de concessão de bolsas de iniciação científica, mestrado e doutorado; incentivo à expansão da área de inovação, sobretudo a empresarial; apoio à pesquisa em inovação na esfera pública, com o objetivo de melhorar os serviços oferecidos para a população; e o financiamento de projetos que conectam as universidades e os programas governamentais às necessidades locais e às demandas de desenvolvimento do Ceará.

Tecnologia a serviço do cidadão
A Prefeitura de Fortaleza, por sua vez, já vem investindo em tecnologia para facilitar a vida de moradores e pessoas que visitam a capital cearense. Em abril foi anunciado o Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI), que visa à expansão da banda larga de Fortaleza. A ação faz parte do Programa Fortaleza Competitiva, iniciativa que engloba um pacote de medidas de estímulo à criação de um cenário qualificado para novos negócios na capital, viabilizando mecanismos para o surgimento e o crescimento de empresas em áreas estratégicas do município, gerando emprego, renda e desenvolvimento. Além disso, ao longo dos últimos cinco anos, foi feita a expansão da infraestrutura de rede de fibra ótica e wi-fi livre, com o objetivo de dar maior velocidade ao tráfego de dados. Ao mesmo tempo, foram desenvolvidos softwares e aplicativos para smartphone que possibilitam, em tempo real, a divulgação de informações de interesse da população, como a localização exata de um ônibus na linha de interesse do usuário do transporte coletivo. Hoje, todas as secretarias municipais, escolas, postos de saúde, hospitais e órgãos públicos estão interligados pela rede de fibra ótica da própria Prefeitura de Fortaleza (Fibrafor). Ceará receberá cerca de R$ 2 bilhões, até 2027, para investir em pesquisa.

Conexão internacional
Com a finalidade de desenhar, monitorar e avaliar os programas de políticas públicas na esfera do governo estadual, o Capp lançou um edital que selecionou 20 candidatos para, por meio de bolsas de pesquisa para graduação, mestrado e doutorado, desenvolverem seus estudos em parceria com o centro. Os temas de preferência dos estudos vão desde agricultura familiar até violência e segurança pública. Entre as atribuições do programa estão:

– Ajudar as secretarias, os órgãos e as entidades a desenhar, monitorar e avaliar os principais programas no governo do Estado do Ceará, assim como aqueles frutos de cooperação com os demais integrantes da Federação e entidades privadas.
– Capacitar os gestores públicos e técnicos com metodologias de avaliação.
– Propor a realização de acordos, convênios, ajustes e outros instrumentos congêneres com instituições públicas ou privadas, nacionais ou internacionais, que tenham como objetivo a avaliação de impacto das políticas públicas.
– Fortalecer a integração com a comunidade científica local e nacional, permitindo o acesso às instalações do Capp, facilitando assim a interação com técnicos do estado do Ceará com vistas à troca de informações e ao acesso mais rápido à base de dados disponível.

A cidade também disponibiliza
67 pontos de acesso livre e gratuito à internet em 26 localidades, entre praças, terminais de ônibus, mercados públicos, Centros Urbanos de Arte e Cultura (Cuca) e arenas de esportes.
Frota de ônibus equipada com aparelhos GPS, o que possibilita a localização de cada um dos veículos, em tempo real, durante o trajeto. MEU ÔNIBUS, O aplicativo desenvolvido pela Prefeitura de Fortaleza para permitir que o passageiro tenha acesso à previsão de chegada dos ônibus nos pontos de parada.

(O Estado de S. Paulo, 03/05/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *