Emenda à Lei Orgânica quer impedir aumento do número de vereadores em Florianópolis
16/03/2018
Juiz concede liminar para suspender cobrança retroativa da taxa de lixo da Capital
16/03/2018

Restauração da ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, terá aditivo de mais R$ 37 milhões

Inicialmente contratada por R$ 262,9 milhões, a restauração da ponte Hercílio Luz pela empresa portuguesa Teixeira Duarte deve receber mais um aditivo de R$ 37 milhões do governo do Estado. A informação é do novo secretário de Estado de Infraestrutura, engenheiro Paulo França, que anunciou o aditivo durante a sua posse nesta quinta-feira (15), no Teatro Pedro Ivo Campos. A obra já havia recebido um aditivo e estava em R$ 274,1 milhões. Agora, a restauração completa deve custar pelo menos R$ 311 milhões.

 

O contrato assinado em março de 2016 previa prazo de 30 meses para a realização dos reparos, que vence em outubro deste ano, mas o governo do Estado já havia prorrogado a entrega da obra para dezembro deste ano. Agora, França não quer falar sobre o novo cronograma de entrega. “Estamos trabalhando no processo administrativo para o aditivo na restauração da ponte Hercílio Luz e quando concluirmos esse projeto voltaremos a falar em prazos. Por enquanto não podemos falar se haverá impacto. O aditivo é de R$ 37 milhões e a expectativa é de estar com tudo resolvido até o final do mês”, explicou o secretário.

Fechada completamente desde 1991 em função de uma fissura em uma das barras de olhal, atualmente os trabalhos de restauração da ponte Hercílio Luz estão concentrados nas rótulas das torres principais. As peças que permitem a movimentação necessária, sem comprometer a estabilidade frente aos ventos intensos que ocorrem na região e que incidem nas laterais da ponte, serão trocadas nos próximos dias. Após esse processo, a ponte receberá de volta as 360 barras de olhal.

A primeira barra de olhal deve ser colocada em um evento programado pelo governo em abril. No fim dos trabalhos, a ponte, que pesa 5.000 toneladas, terá em sua estrutura duas mil toneladas em peças novas.

(Veja Matéria completa em ND, 16/03/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *