Beneficiários da tarifa social de Florianópolis farão recadastro no mês de aniversário
15/02/2018
Falta de consenso para fiscalizar número de visitantes pode prejudicar preservação de ilha em SC
15/02/2018

Floram realiza ação de educação ambiental na Joaquina

Foi realizada mais uma ação do Projeto “Floram vai à praia”, desta vez na praia da Joaquina, que tem como objetivo conscientizar os banhistas sobre a limpeza da orla e as consequências da poluição para o ecossistema, distribuindo porta-bituca e sacos de lixo retornáveis.

Abordado pela equipe da Floram, o militar Luiz Girotto aplaudiu a iniciativa da Prefeitura. “Eu sou fumante, mas faço a minha parte. Acho que precisamos de mais atividades como essa, para tentar educar os banhistas, incentivar uma consciência ambiental que ainda nos falta. Temos que melhorar muito nesse sentido”, disse Girotto, que mora na cidade há três meses.

A movimentação da equipe despertou também o interesse dos comerciantes da praia, que pediram mais material para entregar aos clientes. “A gente que trabalha na praia vê muita sujeira, gente que vem e deixa as bitucas de cigarros, garrafas, resto de comida.

Até catamos o lixo, mas é preciso educar o pessoal a não deixar. Floripa é uma cidade bonita então temos que cuidar, temos que preservar”, afirmou o garçom Bruno Emannuel.

A ação de educação ambiental começou pelas praias de Ingleses e Canasvieiras e até o final do verão estão programadas intervenções na Lagoa da Conceição, Praia Mole, Barra da Lagoa, Moçambique e Praia Brava.

(Riozinho, 14/02/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *