Falta manutenção no parquinho infantil da Beira-Mar Continental, em Florianópolis
26/02/2018
Catarinense MIDI TEC fica no Top 5 em competição mundial de incubadoras
26/02/2018

Acate e Acif abrem filial nos EUA para ampliar negócios

Da Coluna de Estela Benetti (NSC, 26/02/2018)

A internacionalização da economia expande negócios, garante mais estabilidade e geração de renda. Atentas a isso, a Associação Catarinense de Tecnologia (Acate) e a Associação Comercial e Industrial de Florianópolis (Acif), numa iniciativa pioneira, fazem um movimento de maior abertura ao mercado internacional inaugurando dia 21 de março uma filial conjunta em Boston, Estados Unidos, um dos principais centros de conhecimento e inovação do mundo. Elas lançarão os projetos Acate in US e Acif in US tento como parceira a empresa IXL-BIG, do professor e consultor em tecnologia Hitendra Pattel. A Fundação Certi, da Capital, também é parceira da iniciativa.

A Acif iniciou esse trabalho de maior aproximação ao mercado americano, principal importador de produtos de SC, em 2013, com a criação de diretoria internacional ocupada pelo empresário e advogado Klaus Raupp, que passou a residir em Boston e atuar como um “embaixador” de negócios nos EUA não só para a Acif, mas também para outras entidades. Foi ele que articulou naquele ano a associação da Acif à Câmara de Comércio Brasil-EUA (Brazil Cham).

Os presidentes da Acate, Daniel Leipnizt, e da Acif, Luciano Pinheiro, estarão à frente de missão empresarial que as duas entidades organizam aos EUA no período de 14 a 24 de março. Além de visita a instituições de Boston, onde estão baseadas a Universidade de Harvard e o Massachusetts Institute of Technology (MIT), haverá a inauguração da filial conjunta. A agenda nos EUA começará com visita a ecossistemas de Austin, Texas, onde a Acate vai conhecer o festival South By SouthWest (SXSW), porque estuda evento similar na região de Florianópolis, depois terá a visita técnica da Acif à Brazil Cham em Nova York e a, última parte da missão, será a agenda de Boston.

Segundo Pinheiro, cerca de 20 empresários já se inscreveram, é possível ter mais participantes e não é necessário cumprir os três roteiros. Líderes de outras entidades também participarão.

– Os projetos da Acif in US e Acate in US resultam da grande sinergia entre as duas entidades, mas não visam os mesmos objetivos. A Acate quer internacionalizar as empresas de tecnologia. O nosso papel na Acif é aproveitar a mesma sinergia, mas com viés contrário. Nós queremos atrair para Florianópolis empresas americanas que queiram se instalar na cidade porque estamos no epicentro do Mercosul, uma região com PIB elevado e potencial de consumo próximo do da Europa. Estamos na mesma distância entre São Paulo e Buenos Aires. Queremos atrair empresas que gerem empregos aqui e vendam para a América Latina – explica Pinheiro.

Leipnitz vê muitas oportunidades ao setor de tecnologia.

– O projeto Acate US está dentro do guarda-chuva do Acate International que a gente está montando e vai ter formação de empreendedores para exportação, cursos e troca de experiências. Essa unidade vai ser um HUB para as nossas empresas poderem fazer contato com os EUA, fazer intercâmbio, informações. Teremos lá o Raupp para nos ajudar a fazer contatos e estudos de viabilidade e teremos também um link muito forte com a equipe do IXL porque o nosso escritório será junto com eles – explica Leipnitz.

Pensar global é a melhor forma de se manter competitivo, especialmente no setor de tecnologia.

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *