Beira-mar Continental merece mais cuidado
31/01/2018
Destinação de recursos para cultura e inovação é tema de reunião na Câmara
31/01/2018

Procissões de Nossa Senhora dos Navegantes movimentam Florianópolis neste domingo

Neste final de semana, a festa é nas águas do mar de Florianópolis. A Ilha celebra no domingo o dia de Yemanjá, ou Nossa Senhora dos Navegantes, protetora dos marinheiros. São esperadas dezenas de barcos enfeitados e milhares de fiéis – cristãos, umbandistas ou do candomblé – para as procissões que vão levar a imagem da santa. Odoyá!

Cacupé

O maior dos cortejos religiosos da Capital acontece na praia de Cacupé, na Baía Norte. No ano passado, foram 46 embarcações, número que o presidente da associação de moradores, Silvani Ferreira, acredita que será superado.

— Espero que esse ano a gente consiga superar. Cada ano tem aparecido mais barco. E quem não tiver barco e quiser participar tem que estar às 9h na praia de Cacupé e trazer colete salva-vidas — convida.

O cortejo religioso sai da Igrejinha da Capela da Cacupé, vai até João Paulo, Ponta do Sambaqui e retorna para Cacupé. O trajeto dá em torno de 2h. No final, haverá um concurso das embarcações melhor decoradas. Os vencedores ganharão uma imagem da santa.

Sexta-feira, 02 de fevereiro
19h30 – missa do Apostolado do Sagrado Coração de Jesus. Neste dia não haverá missa na Paróquia de Santo Antônio de Lisboa
Domingo, 04 de fevereiro
9h – saída, em procissão, da imagem de Nossa Senhora dos Navegantes da Capela Santa Cruz de Cacupé, em seguida procissão marítima
11h – recepção festiva da imagem na praia, em Cacupé, seguida de missa campal e benção das embarcações
11h40 – procissão, retornando com a imagem até a Capela Santa Cruz de Cacupé e bênção a todos os participantes
12h30 – almoço de confraternização
Lagoa da Conceição

No leste da Ilha, o cortejo acontece na Lagoa da Conceição. A santa unirá cristãos e devotos das religiões afro brasileiras na tarde de domingo.

A escola de umbanda Pena Verde, uma das organizados convida os participantes a irem até o trapiche às 14h30 com roupa branca ou a do seu terreiro e levar pétalas de flores.

Antes, os católicos farão uma missa na Paróquia Nossa Senhora da Imaculada Conceição. De lá seguirão caminhando até o trapiche. Confira a programação:

Sábado, 03 de fevereiro
20h – missa no Santuário. Após, jantar e baile
Domingo, 04 de fevereiro
10h30 – missa. Após, almoço e baile
15h – procissão. Haverá celebração com passagem dos festeiros. Após a celebração, a festa continua
Pântano do Sul

A procissão também acontece no sul da Ilha. Dez barcos são esperados para o evento no Pântano do Sul. Após a procissão, será realizado um bingo beneficente. A dona Arlete Raupp, coordenadora pastoral da Capela São Pedro, faz um pedido aos fiéis.

— O nosso salão está com o telhado quebrado. Então qualquer brinde que a pessoa puder levar nos ajuda para o bingo.

Sexta-feira, 02 de fevereiro
20h – santa missa 21h30 – jantar dançante
Sábado, 03 de fevereiro
20h – procissão
20h30 – santa missa
Domingo, 04 de fevereiro
10h – procissão marítima seguida da santa missa
12h – almoço festivo
14h – bingo

(DC, 29/01/2018)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *