Clipping

Alternativa de transporte marítimo, AquaBus faz passeio experimental em Florianópolis




Cercado de muita expectativa, o passeio gratuito no Aquabus, uma espécie de viagem experimental, reuniu cerca de 50 pessoas na manhã de terça-feira (16). A embarcação com capacidades para 400 passageiros, partiu do trapiche da avenida Beira-Mar Norte em direção à Beira-Mar Continental. O passeio é mais uma tentativa de implantação do transporte marítimo em Florianópolis. “Desde 2010 tentamos oferecer esse serviço à população, mas não conseguimos evoluir. Temos que atender todas as exigências da Marinha para estarmos em condições de concorrer à licitação, caso a prefeitura abra o edital”, disse o armador e um dos proprietários do AquaBus, Aldo Maciel.

Conforme o secretário de Transportes e Mobilidade da Capital, Marcelo Roberto da Silva, o sistema aquaviário é uma das prioridades da Prefeitura, pois faz parte do plano de governo. “Existem vários pontos a serem discutidos entre as partes envolvidas, como trapiches, quadro de horário e integração com o transporte coletivo. Definir também os municípios parceiros desse projeto. Não existe uma data definida para discutir esse assunto”, disse.

Para Victória, 11, o momento foi de diversão e registros fotográficos. Já para o pai, o publicitário Marcos Buratto, 53, o passeio representa um grande avanço e expectativa por uma mobilidade melhor na cidade. “Esse é um desejo antigo da maioria das pessoas daqui. Mas, como dizem, somos uma ilha de costas para o mar. Não conseguimos montar uma marina, não conseguimos um trapiche adequado. Precisamos evoluir. Essa é mais uma tentativa do funcionamento do transporte marítimo, e sempre com a esperança de que pode dar certo”, afirmou.

(Veja Matéria completa em ND, 16/01/2018)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.