Clipping

UFSC promove ’24ª Festa da Cultura de Base Açoriana de Santa Catarina’, de 10 a 12 de novembro




O Conselho Deliberativo do Núcleo de Estudos Açorianos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) convida para a 24ª Festa da Cultura de Base Açoriana de Santa Catarina, de 10 a 12 de novembro. O Núcleo instituiu, em 1996, o Troféu Açorianidade com objetivo de reconhecer e valorizar o trabalho de instituições, pessoas e empresas, em prol da Cultura de Base Açoriana do estado de Santa Catarina. A entrega do troféu será no Clube Sete de Setembro, Centro de Palhoça – SC.

A escolha de pessoas, profissionais, empresas e instituições que receberão os troféus é feita anualmente pelo Conselho Deliberativo do Núcleo de Estudos Açorianos. Este Conselho é formado por 62 representantes das Prefeituras Municipais do litoral catarinense, Universidades Regionais, Fundações e Associações Culturais, Grupos Folclóricos, que atuam no litoral catarinense. Os componentes do Conselho Deliberativo têm o direito de fazer as indicações e posteriormente participarem da eleição dos agraciados.

A criação do protótipo do Troféu Açorianidade foi feita através de concurso público realizado em 1996, aberto a todo Estado de Santa Catarina sendo vencedor o Artista Plástico João Aurino Dias “Dão”. Nesta obra podemos ver a presença da religiosidade através da Bandeira e Pomba do Divino Espírito Santo, notamos a presença de um bote baleeiro, embarcações trazidas pelos açorianos e no verso deste troféu têm o registro de movimentos da dança folclórica açoriana.

Os nomes destes troféus fazem menção às nove ilhas do Arquipélago Açoriano. A Ilha de Santa Catarina empresta o nome ao décimo troféu, que acreditam ser a décima Ilha do arquipélago Açoriano.

Mais informações no site ou pela página do Facebook.

(Ufsc, 30/10/2017)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.