Clipping

Ressaca em Florianópolis põe em risco asfalto, adutora e postes na SC-406




Autoridades municipais e estaduais estiveram no Morro das Pedras, em Florianópolis, na manhã deste domingo. O prefeito Gean Loureiro chamou órgãos envolvidos nas respostas aos desastres causados pela ressaca no litoral da cidade para definir ações em conjunto onde o asfalto corre o risco de ceder na SC-406. Segundo a prefeitura, além do asfalto, há o risco de postes de energia caírem em função da erosão no solo.

A Celesc esteve na reunião e ficou definido que, a partir de terça-feira (03), a fiação elétrica será transferida para o outro lado da rodovia. Já a adutora de água, que passa embaixo do acostamento da via, também está sendo monitorada pela Casan. Durante a reunião, o presidente do órgão, Valter Gallina, garantiu que já tem equipes no local preparadas para o caso de rompimento.

Já o Departamento de Infraestrutura de Santa Catarina, Deinfra, recebeu duras críticas do prefeito da Capital:

— Estamos há mais de duas semanas oficiando o Deinfra para tomar providências para estancar a erosão na via e até agora nada. Nem sequer apareceram nesta reunião para dar uma resposta.

O Deinfra informou que irá entrar em contato com a prefeitura nesta segunda-feira, quando técnicos do departamento irão até o Morro dos Pedras. A rodovia SC-406 é o único acesso asfaltado para o Sul da Ilha. A Defesa Civil municipal está monitorando o local diariamente.

(DC, 01/10/2017)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.