Clipping

População vai ganhar aplicativo para denunciar vazamento de água e de esgoto




Cidadãos da Grande Florianópolis ganharão uma ajudinha para denunciar vazamentos de água e de esgoto a partir desta terça-feira, 26 de setembro. Trata-se do App Aresc, que será lançado às 14h30min no auditório da Aresc, no Centro de Florianópolis. Inicialmente, estará habilitado para os municípios de Florianópolis, São José, Biguaçu, Antônio Carlos, Santo Amaro da Imperatriz, Paulo Lopes, e Criciúma, todos atendidos pela Casan.

O desenvolvimento da ferramenta é da Agência de Regulação de Serviços Públicos de Santa Catarina – Aresc e do Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina – Ciasc. Com interface de simples navegação, o app permitirá que as pessoas comuniquem vazamentos de água e de esgoto em vias públicas de forma ágil. A partir desse maior controle e consequente diminuição de custos operacionais, até mesmo tarifas podem vir a sofrer redução futuramente.

Usa localização do GPS para indicar o local

O uso promete ser muito simples, além de o aplicativo estar disponível gratuitamente a partir deste 26 de setembro, para celulares com sistema operacional Android e iOS. Também é adaptável a outros dispositivos móveis, como tablets e iPads.

Conforme divulgação feita, uma vez instalado o App Aresc, o usuário poderá selecionar a localização instantânea pelo GPS do celular e cadastrar seu nome e contato telefônico, e o tipo de ocorrência, se vazamento de água ou de esgoto. Por fim, basta enviar fotos do vazamento. A ocorrência vai para a central da Ouvidoria da Aresc e para a Casan.

(DC, 25/09/2017)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.