Clipping

Recicladores debatem projetos de lei que impactam setor no Estado




Projetos de lei de interesse dos transformadores e recicladores do Estado foi o principal tema da reunião da Câmara Nacional dos Recicladores de Material Plástico da Abiplast, que ocorreu neste mês de agosto, em Joinville, durante a Interplast. O vice-coordenador da Câmara, Alceu Lorenzon, que também é vice-presidente do Sindicato da Indústria do Material Plástico e Artefatos de Borrachas do Oeste Catarinense (Sindiplasc), entidade vinculada à Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC) explanou sobre os projetos de lei que tratam sobre o uso das sacolas plásticas no estado.

O evento contou com a presença do presidente da Alesc, Gelson Merisio, além dos deputados estaduais José Nei Ascari e Darci de Matos, que  se pronunciaram sobre a emenda modificativa do Projeto de Lei 0.238.0/2011, que trata sobre a regulamentação ao uso das sacolas plásticas em SC, condicionando que as mesmas devem ser resistentes para serem retornáveis e reutilizáveis, devem ser  recicláveis e conter em sua composição um percentual de matéria-prima reciclada, para atender a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) quanto a logística reversa.

Participaram da reunião, mais de 100 empresários representando sindicatos do setor das indústrias do material plástico de oito estados da federação, para discutir vários temas de interesse das indústrias.

De acordo com Lorenzon, o setor industrial debateu a proposta da emenda, para substituir o projeto original que previa a proibição do uso de sacolas no Estado, para que as sacolas sejam mantidas, desde que sejam feitas com resistência suficiente para atender suas funções para serem retornáveis, reutilizáveis e recicláveis, além de serem produzidas com certa porcentagem de matéria-prima reciclada.

Os parlamentares prometeram dar especial atenção a esse e outros projetos de lei que visam promover a preservação do meio ambiente e da economia do estado.

(MB Comunicação Empresarial, 30/08/2016)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.