Por Assessoria de Comunicação

Dez anos de história para fazer do futuro de Floripa nosso melhor presente




Uma década de atuação por uma cidade melhor, mais criativa, planejada, preservada e segura foi comemorada nesta quinta-feira (12/11) em dois eventos que celebraram 10 anos de fundação da FloripAmanhã. De noite, a Associação e nove pessoas que fizeram parte desta história foram homenageadas pelo parlamento catarinense em Sessão especial na Assembleia Legislativa, conduzida pelo presidente da casa, deputado Gelson Merísio. Durante a tarde, arquitetos, urbanistas e outros interessados no futuro de Florianópolis se reuniram na Faculdade Senac para ouvir e debater com o urbanista presidente nacional do IAB Sérgio Magalhães a emergência da metrópole contemporânea em Santa Catarina.

“Ao longo de sua história a FloripAmanhã consolidou como seu grande patrimônio o talento para construir sinergia e pontes entre forças sociais, comunitárias, empresariais e políticas na busca por soluções que tornem a cidade um espaço onde as pessoas possam ser mais felizes”, discursou a presidente da FloripAmanhã, Anita Pires. “Fica aqui o nosso convite para que cada um de nós coloque seu talento e riqueza pessoal a serviço do nosso lugar, a Floripa que queremos hoje e amanhã”, concluiu.

Além de Anita e Merísio, compuseram a mesa da Sessão especial Zena Becker, ex-presidente e atual secretária municipal de Turismo, Roberto Costa, fundador e conselheiro da FloripAmanhã, Luiz Ekke Moukarzel, secretário de Cultura de Florianópolis e Ronaldo Koerich, representando a família Koerich, homenageada.

Em seu discurso em nome dos homenageados, Roberto Costa ressaltou que a Floripamanhã conseguiu contribuir significativamente para tornar a nossa cidade um lugar melhor para se viver, mesmo que ainda haja muito por fazer em Florianópolis. “É claro que a entidade não tem poderes para interferir nas administrações públicas, mas sempre procurou influenciar e contribuir com suas ideias e programas”, afirmou.

Segundo o conselheiro da FloripAmanha, “não podemos nos conformar e aceitar todos os tipos de entraves que atrasam muito obras necessárias para a nossa infraestrutura como o novo terminal do aeroporto de Florianópolis e a Ponte Hercílio Luz, que há 33 anos aguarda uma solução. Por que temos ainda muitas demandas não realizadas é que se torna relevante a atuação de uma entidade como a Floripamanhã”, acrescentou Roberto Costa.

Os homenageados

  • André Schmitt (arquiteto e urbanista, profissional que coloca seu talento e sensibilidade a serviço de Florianópolis)
  • Carlos Alberto Schneider (defensor e incentivador da tecnologia e da inovação com um diferencial criativo para desenvolvimento sustentável e construção de cidades inteligentes)
  • César Floriano dos Santos (arquiteto e urbanista, empreendedor social, com forte atuação em projetos transformadores para Florianópolis)
  • Família Koerich, representada por Ronaldo Koerich (participantes do Programa FloripAmanhã “Adote uma Praça”)
  • Fernando Marcondes de Mattos, representado por Fernanda Marcondes Linsmeyer (empreendedor, visionário e idealizador da Associação FloripAmanhã)
  • João Nilson Zunino, in memoriam, representado por Marlene Maria dos Santos Zunino e Daniela Zunino (grande motivador da parceria público-privada em prol de uma cidade com melhor qualidade de vida)
  • Roberto Costa (um dos fundadores da FloripAmanhã, publicitário apaixonado por Florianópolis e questionador dos rumos da cidade)
  • Salomão Mattos Sobrinho, representado por Natália e Oreste Melo (servidor público que faz da sua atuação profissional uma ferramenta de luta por uma cidade melhor)
  • Zena Becker (protagonista social, defensora do planejamento a longo prazo e com forte atuação em projetos transformadores para Florianópolis)

Durante a solenidade, foi lançada a revista “FloripAmanhã 10 Anos – Para fazer do futuro de Floripa nosso melhor presente”.

(Publicado por Alesc, 13/11/2015)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.