Programa Floripa Legal deve regularizar cerca de 50 mil imóveis até 21 de novembro
17/09/2014
Menos óleo
17/09/2014

Com cronograma atrasado, Espaço Aberto garante entrega do Hospital da Base Aérea para dezembro

Responsável pela construção do Hospital da Base Aérea de Florianópolis, no Sul da Ilha, a empresa Espaço Aberto garante que o prédio que deverá atender 7.000 pessoas será entregue até o final de dezembro. A obra começou em novembro de 2008 e custou R$ 21 milhões aos cofres públicos federais. Os recursos são provenientes do Fundo para Incremento da Infraestrutura Aeronáutica em apoio à aviação civil. De acordo com o centro de comunicação social da Aeronáutica, que supervisiona os serviços, apesar de faltar apenas 10% para finalizar as obras, a Espaço Aberto está em atraso com relação ao cronograma para a conclusão do hospital.

A empresa foi advertida e multada por conta do atraso. Procurado pelo Notícias do Dia, o engenheiro Reinaldo Damasceno, diretor técnico da empresa, afirmou que 95% das obras estão concluídas e que o hospital “está em fase de entrega”. Para Damasceno, os atrasos são um reflexo da falta de pagamento do governo estadual para as outras obras tocadas pela Espaço Aberto em Santa Catarina. “Tivemos problemas de fluxo de caixa, pois tivemos que pagar despesas de outras obras como a da ponte Hercílio Luz e do acesso ao aeroporto, para poder cobrir outras demandas”, disse.

Segundo Damasceno, dos R$ 21 milhões da obra, faltam ser repassados R$ 3,5 milhões pelo governo federal, o que deverá acontecer na entrega da obra. De acordo com a Espaço Aberto, entre 20 a 25 profissionais trabalham diariamente na obra, e falta apenas a instalação de mobiliários e acessórios, como balcões, peças cirúrgicas, equipamentos, além de pintura geral e ajustes na grama.

Quem supervisiona as obras é a BAFL (Base Aérea de Florianópolis), local onde está sendo construído o prédio, ao lado do aeroporto Hercílio Luz. “A Base Aérea acompanha o andamento dos serviços e já tomou todas as medidas administrativas e contratuais cabíveis”, afirmou, em nota, o centro de comunicação social da Aeronáutica.

O hospital poderá atender até 7.000 pessoas que são usuárias do sistema de saúde da Aeronáutica em Santa Catarina. Serão 36 leitos, dos quais 18 para internação. Além de pronto-atendimento, haverá clínica médica e clínicas especializadas, odontologia, fisioterapia, laboratórios, farmácia e centro cirúrgico. O projeto foi concebido para agregar modernidade e tecnologia para atender militares, dependentes e também eventuais demandas em acidentes aeronáuticos, conforme previsto no plano de emergência aeronáutica do Aeroporto Internacional Hercílio Luz.

(Notícias do Dia Online, 16/09/2014)

mm
Assessoria de Comunicação FloripAmanhã
A Assessoria de Comunicação da FloripAmanhã é responsável pela produção de conteúdo original para o site, newsletters e redes sociais da Associação. Também realiza contatos e atende demandas da imprensa. Está a cargo da Infomídia Comunicação e Marketing Digital. Contatos através do email imprensa@floripamanha.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *