Justiça reduz multa por greve
25/02/2014
Aeroporto: obras atrasadas um ano
25/02/2014

Reajuste de tarifas tem pouca divulgação

Ônibus intermunicipais ficaram mais caros no domingo, na Grande Florianópolis. Mas os usuários não foram avisados com antecedência. O aumento ficou entre R$ 0,15 e R$ 0,30, dependendo da linha, e foi adotado pelas empresas Estrela, Jotur, Biguaçu, Santa Terezinha e Imperatriz.

A falta de informação deixou muita gente revoltada, como Valdete Cristina Brasil – usuária de Biguaçu.

– Pessoas foram barradas porque só tinham R$ 3 e não sabiam do aumento de R$ 0,20 na linha Bom Viver. Paguei com meu cartão para quatro vizinhos tomarem o ônibus – contou.

O Departamento de Transportes e Terminais (Deter) disse que comunicou na última quinta-feira as empresas sobre o reajuste e determinou uma “ampla divulgação” nos terminais, ônibus e pontos de venda.

O presidente do Sindicato de Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros da Grande Florianópolis (Setuf), Waldir Gomes, diz que houve somente a notificação da resolução que reajustou a tarifa.

– Desconheço a determinação de divulgação. Isso é responsabilidade do Deter, que falhou – afirma Gomes.

A resolução 002/2014 que alterou a tarifa dos ônibus intermunicipais foi publicada na quarta-feira da semana passada no site do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros em Santa Catarina (Setpesc).

O diretor superintendente do Setpesc, Elias Sombrio, explica que a responsabilidade da divulgação do reajuste era do órgão concedente (no caso, o Deter).

Sombrio afirma que no sábado alguns ônibus tinham cartazes avisando do reajuste. Porém, na tarde de ontem, a reportagem observou que funcionários das empresas estavam colando cartazes com os novos preços nas colunas do Terminal do Centro (Ticen). Outros carregavam cartazes para colocar nos veículos. Em viagem, o presidente do Deter, Neri Francisco Garcia, admitiu que houve falha na comunicação, mas defendeu que a responsabilidade do órgão é encaminhar às empresas a resolução, para que elas afixem nos ônibus e nos terminais. Disse que a notícia sobre as alterações foi também publicada no site do Deter.

– Nós disponibilizamos a portaria na quinta-feira com o objetivo que afixassem nos ônibus. Concordo que não se imaginava que fosse haver problema.

Perguntado se o Deter não poderia prorrogar o aumento para garantir a comunicação aos usuários, Garcia disse ainda que a decisão ocorreu em colegiado e não dependia apenas da presidência do órgão.

(DC online, 25/02/2014)

mm
Assessoria de Comunicação FloripAmanhã
A Assessoria de Comunicação da FloripAmanhã é responsável pela produção de conteúdo original para o site, newsletters e redes sociais da Associação. Também realiza contatos e atende demandas da imprensa. Está a cargo da Infomídia Comunicação e Marketing Digital. Contatos através do email imprensa@floripamanha.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *