Movimento Floripa te Quero Bem lança documento Desafios de Florianópolis
16/08/2012
FloripAmanhã empenhada em recuperar áreas públicas para a comunidade
16/08/2012

Demolições preparam Praça Santos Dumont para revitalização

A demolição de duas construções irregulares na Praça Santos Dumont , na Trindade, ocorrida nos dias 30 e 31 de julho, é mais um passo importante para a revitalização do local. O projeto arquitetônico elaborado pelo do Departamento de Arquitetura da UFSC foi concluído e entregue à construtora GPinheiro, que dentro de aproximadamente 20 dias finaliza o projeto executivo, com detalhamento das obras e orçamento para execução. Novos parceiros serão agregados ao Projeto para Revitalização da Praça, uma iniciativa do Movimento Pró-Revitalização da Praça da Trindade e Entorno, com a coordenação da FloripAmanhã e atuação conjunta da Prefeitura Municipal (Secretaria de Obras, Floram, IPUF, Secretaria de Desenvolvimento Urbano), Associação dos Moradores do Bairro Trindade (AMBaTri), Conseg Trindade, Igreja Matriz da Trindade, UFSC – Departamento de Arquitetura, Polícia Militar, Ministério Público de Santa Catarina e Construtora GPinheiro.
Praça Santos Dumont
“Toda a comunidade está envolvida e satisfeita com a evolução do Movimento de Revitalização, apesar da demora. Todos sabíamos que iria demorar, mas felizmente agora já estamos na fase de detalhar a obra e com novos parceiros vamos viabilizar a Revitalização desta Praça que será um marco na cidade”, analisa a presidente da FloripAmanhã, Zena Becker.
O projeto arquitetônico está na Floram para analise técnica e aprovação seguindo o procedimento do Programa Adote uma Praça, uma parceria da FloripAmanhã e Floram. Elaborado por bolsistas do Departamento de Arquitetura da UFSC, sob a coordenação do prof. Ayrton Bueno, o trabalho está inscrito no 11º Encontro Nacional de Ensino de Paisagismo em Escolas de Arquitetura e Paisagismo no Brasil, a ser realizado em Campo Grande, na Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, de 29 de outubro a dois de novembro.
As duas construções particulares que ocupavam o espaço público puderam ser derrubadas após despacho do Juiz da 3º Vara da Fazenda Pública concluindo a ação do Ministério Público de Santa Catarina, permitindo então o continuamento do Projeto que visa devolver a Praça Santos Dumont para uso comunitário, com qualidade.
Segundo Élzio do Espírito Santo, da AMBaTri, “no trabalho do Movimento Pró-Revitalização da Praça da Trindade e Entorno, o aspecto da segurança também está sendo levado em conta. Temos trabalhado junto e em cooperação com a PMSC, tendo colocado à disposição daquela instituição o prédio (público ainda existente na Praça), para o uso e ocupação da forma que lhe conviesse”. Élzio conta que foi divulgado recentemente que haverá “Policiamento 24 horas no Posto do Parque São Jorge” e que a comunidade tem “esperança de que isto possa vir a acontecer” também na Trindade.



Adote uma Praça
O Programa Adote uma Praça foi lançado em 2007 através de parceria com a Floram com o propósito de resgatar o espaço público como área de lazer, com segurança, revitalizada e que promova qualidade de vida para nossos moradores – premissas visíveis na Praça Celso Ramos, Praça XV de Novembro, Largo da Alfândega, entre outras. Dos 208 espaços públicos existentes em Florianópolis, 98 foram adotados através do “Adote uma Praça” (dados de abril 2012), representando economia para o poder público e benefícios para a população.
Para adotar um espaço público, o munícipe pode entrar em contato com a Associação FloripAmanhã ou manifestar interesse no PRÓ-CIDADÃO, abrindo um processo para o pedido.

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *