Por Assessoria de Comunicação FloripAmanhã

Lojistas do Centro de Florianópolis são orientados sobre a importância da reciclagem




 

Comerciantes das ruas Felipe Schmidt, Jerônimo Coelho e Álvaro de Carvalho receberam nesta quarta-feira (26/10) orientações de como separar e destinar os resíduos recicláveis produzidos em seus estabelecimentos. Voluntários do Grupo Interinstitucional sobre Gestão dos Resíduos Sólidos Urbanos para Florianópolis (GIRS) visitaram o comércio da região central da Capital, conversaram com as pessoas responsáveis pelo lixo do estabelecimento e entregaram material informativo sobre a forma correta de embalagem e depósito dos materiais descartados.

A ação integra a segunda edição do projeto ‘Recicla Bem Floripa, Centro Histórico’, uma iniciativa do GIRS — coordenado pela Associação FloripAmanhã e CDL de Florianópolis — com o apoio da Prefeitura Municipal e COMCAP. “Foi muito positiva a segunda edição do Recicla Bem Floripa. Além da visitação aos lojistas, desta vez tivemos os expositores, que conseguiram levar informações para o público sobre a responsabilidade de cada um de nós pelos resíduos que produzimos”, analisa Solange Borguesan, diretora da FloripAmanhã e voluntária do GIRS. O Recicla Bem Floripa contou com stands da Comcap, ACIF-Reóleo, Cepagro, Nosso Lixo, Associação de Catadores de Materiais Recicláveis, CDI (reciclagem de lixo eletrônico)e Janeiro Captação e Transportes (de óleo de cozinha).

Nara Lucia Bitencourt, uma das voluntárias que conversou com os lojistas, afirma que a abordagem é muito importante, pois há muito para avançar neste tema. “Existe uma abertura para conversar sobre o assunto, mas percebe-se que ainda não é facilmente entendido. As pessoas acham pouco prático separar os resíduos e muitos não se sentem totalmente responsáveis pelo lixo que produzem”, enfatiza. Não é o caso da loja de roupas gerenciada por Vanessa de Lima. Ela argumenta que os proprietários do estabelecimento incentivam a prática entre os funcionários. “Separamos o que é reciclável, mas tínhamos dúvidas onde descartar”, expõe. Entre as principais dificuldades relatadas pelos comerciantes foram destacadas a falta de sacolas apropriadas e a manipulação do lixo por outras pessoas ou animais antes do caminhão de coleta passar.

Quem transitou pelo Centro também pôde observar uma exposição de produtos artesanais e industrializados confeccionados com materiais reciclados. Glória Clarice Martins, coordenadora de educação ambiental da Companhia Melhoramentos da Capital (Comcap), explica que a mostra busca conscientizar as pessoas sobre a importância econômica, social e ambiental da reciclagem. “O material reutilizável recolhido em Florianópolis é doado para associações de catadores, que vendem e sustentam suas famílias com esta renda. Isso mostra que a reciclagem gera emprego, além de minimizar os prejuízos ambientais e financeiros causados pelo lixo”, ressalta. Cerca de 800 toneladas de resíduos reciclados são coletadas por mês na Capital – no Centro da cidade são aproximadamente 160 toneladas, segundo informações da Comcap.

Hélio Leite, gestor de negócios da CDL de Florianópolis, participou desde a manhã da ação e avaliou o resultado como positivo. “Desde a primeira edição do Recicla Bem Floripa já houve uma melhoria na separação e destinação adequada do lixo pelos lojistas. Confiamos que daqui para frente o volume de produtos reciclados coletados no Centro aumentará, pois agora todos os comerciantes da área central estão devidamente orientados”, assinala. Ele acrescenta que a ideia é expandir a campanha para outras regiões de Florianópolis. “Esse foi um projeto piloto que pretendemos implantar em todo o município”, observa.


Fotos: Rogério Mosimann

Veja o material informativo do GIRS com as orientações para acondicionamento e apresentação dos resíduos sólidos no Centro Histórico.

Grupo Interinstitucional sobre a Gestão dos Resíduos Sólidos Urbanos para Florianópolis (GIRS)

O GIRS é um grupo com cerca de 50 entidades representativas, públicas e privadas, que se dispõe a estudar, debater e encontrar soluções para a problemática dos resíduos sólidos da cidade de Florianópolis. É um trabalho voluntário e cidadão que se originou na grande preocupação destas entidades na melhoria dos processos e gestão sobre os resíduos sólidos, buscando desenvolver conjuntamente soluções com a administração pública municipal.

O Grupo Gestor do Fórum Interinstitucional de Resíduos Sólidos conta com a participação da FloripAmanhã, CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas), Nosso Lixo, CDI (Comitê para Democratização da Informática-SC), COMCAP, Banco do Brasil, ICOM e Instituto Vonpar.



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.