Clipping

Obras da ponte sobre o rio Ratones devem iniciar nesta segunda (22)




Os moradores aguardam o reparo desde janeiro quando a chuva que atingiu a Capital derrubou parte da estrutura impedindo o acesso

A ponte sobre o Rio Ratones na estrada João Januario da Silva está interditada desde janeiro deste ano por causa das chuvas intensas que atingiram a Capital. A ponte cedeu e acabou derrubando parte da estrutura, impedindo o acesso de carros e tornando a passagem de pedestres arriscada. Os moradores que aguardam ansiosos pela resolução do problema agora têm uma esperança, de acordo com o Secretário de Obras de Florianópolis, Luiz Américo Medeiros, a obra deve iniciar na segunda-feira (22).

A aposentada Lordes Julia Pereira mora há 46 anos no bairro e diz que a prefeitura trata do bairro com descaso. Ela reclama da falta de investimento e está desestimulada a participar de reuniões comunitárias. “É uma vergonha, desde que eu mudei pra cá a única coisa que mudou é que agora passa ônibus, antes era só carroça. Só tem um pedaço que é asfaltado, o resto é estrada de chão e fica cheio de buracos quando chove, estragando os carros. Eles tinham que investir mais aqui como é feito em outros bairros”, desabafa.

Por causa da ponte caída os pedestres precisam atravessar a estrutura comprometida ou passar por um desvio que aumenta o percurso em mais de três quilômetros. Quem vai de carro não tem outra opção além do desvio. Quando o morador Otacílio Pereira necessita consultar no posto de saúde ou pegar algum remédio, precisa dar a volta no desvio, muitas vezes a pé porque tem receio de passar pela ponte danificada, são cerca 30 minutos de caminhada.

Na sexta-feira (19) pela manhã os funcionários da Celesc (Centrais Elétricas de Santa Catarina) trabalhavam no local. Eles já haviam instalado postes mais distantes da margem do rio e estavam transferindo a rede principal para estes postes, pois com o início das obras previsto para a próxima semana o impacto do bate-estacas poderia prejudicar a distribuição de energia para toda a comunidade. Medeiros explicou que a prefeitura só estava aguardando a transferência da linha de transmissão de energia para começar a obra. A empreiteira licitada começa na segunda-feira (22) e o trabalho deve ser concluído em quatro meses. O secretário não soube informar o valor investido.

(Por Letícia Mathias, ND, 22/08/2011)



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.