Clipping

Consciência e atitude




Da coluna de Carlos Damião (ND, 14/06/2011)

Paraísos rurais atraem cada vez mais sitiantes, mas a falta de cuidados com o meio ambiente contrasta com o modismo

Este é um dos problemas constantes na região serrana da Grande Florianópolis: condomínios rurais atraem cada vez mais sitiantes, mas não há preocupação com o destino e recolhimento do lixo produzido. O resultado provoca indignação entre muitos prefeitos, porque a conta do “turismo rural” acaba estourando sempre nas mãos deles. A principal questão é a falta de comprometimento dos sitiantes e muitos dos empreendedores: eles não estão nem aí com questões ambientais e mesmo com a qualidade de vida. E há entre eles quem diga que o problema do lixo é “da prefeitura”, como se cada um não tivesse responsabilidade em relação à produção de resíduos sólidos. Os modernos conceitos de sustentabilidade incluem múltiplas responsabilidades quanto a esse caso, ou seja, o poder público faz a sua parte, mas o cidadão tem que fazer a dele. Nada de atirar o lixo de qualquer jeito, ainda mais à beira de estradas, junto a mananciais ou áreas verdes. Consciência e atitude!



Notícias Relacionadas




Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Política de moderação de comentários:

A legislação brasileira inclui a possibilidade de se penalizar blogs e sites pelo conteúdo publicado, mesmo comentários de terceiros. Portanto, a Associação FloripAmanhã se reserva o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos diferentes do tratado no site também poderão ser eliminados. Queremos manter um espaço coletivo de debates em torno de ideias. Façamos bom proveito para o melhor de nossa cidade.