Areia retirada do Rio Cubatão
17/09/2009
Kartódromo do Sapiens integra espaço de cultura, lazer e esportes do Parque
17/09/2009

Artigo escrito por Otávio Ferrari Filho – Vice-presidente da Associação FloripAmanhã (DC, 17/09/2009)
A palavra de ordem nos dias atuais é saneamento básico. Como está a situação no Brasil, Santa Catarina e em Florianópolis? A Associação Brasileira de Engenharia Sanitária (Abes) tem divulgado que os índices de atendimento de saneamento em Santa Catarina estão bem abaixo da média brasileira, e que Florianópolis está na média catarinense.
A maior empresa concessionária de serviços de saneamento no Estado tem prometido melhorar esse referencial. O tempo urge, e tem-se a expectativa de que as ações possam alcançar esse intento. Enquanto isso não acontece, o que a imprensa tem noticiado?
Florianópolis perde a posição de deter o segundo melhor índice de qualidade de vida no país, e cai para o sétimo. Duas praias de Florianópolis, que buscavam a certificação de Bandeira Azul, não alcançaram esse propósito. As medidas de qualidade da água – ou a falta dessas medidas – estão entre os requisitos não atendidos para a certificação. Há localidades com estação de tratamento, porém, muitos usuários dos serviços de água não providenciam a ligação à rede de esgotos. Um turismo de qualidade exige a melhoria desses índices. A solução depende dos governos estadual e municipal, e também da sociedade organizada.
Para tal, é importante que os investimentos em saneamento sejam acompanhados pelas representações da sociedade organizada e que sejam encontrados ajustes para recuperar os atrasos de muitos anos e os danos causados ao ambiente. Porém, é importante que os investidores privados, empresários e a sociedade em geral, preparem suas instalações para o saneamento que está chegando ou vai chegar.
A Associação FloripAmanhã acolherá de bom grado todas as sugestões que nos conduzam a uma visão de futuro.

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *