Zona Azul chega ao Continente
23/07/2009
Escola da Capital organiza ação social
23/07/2009

IF-SC prepara festa do centésimo aniversário

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina atende 7.124 alunos em seis municípios

Presente em seis cidades catarinenses, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IF-SC) completará cem anos em setembro. A data é marcada pela expansão da instituição no Estado. O que começou como Escola de Aprendizes de Artífices, em Florianópolis, atende atualmente 7.124 alunos e em 2010 iniciará as atividades em mais sete municípios, dobrando o número de estudantes.

A instituição conta com sete campi: dois na Capital e os outros em São José, Jaraguá do Sul, Chapecó, Joinville e Araranguá. Para 2010, o IF-SC iniciará as atividades nos campi de Itajaí, Lages, Gaspar, Criciúma, Canoinhas, Palhoça e São Miguel do Oeste. Além disso, haverá os chamados núcleos avançados, que não contam com estrutura própria, em Caçador, Urupema e Xanxerê.

A reitora do instituto, Consuelo Sielski, destaca, além da expansão, outros dois pontos que julga marcantes. Um deles é a transformação de escola técnica para centro tecnológico, em 2002; o outro é a mudança de centro para instituto federal, em dezembro do ano passado.

– Com essa última mudança, temos autonomia para fazer tudo o que uma universidade faz, inclusive oferecer mestrado. Já estamos com o mestrado profissional em mecatrônica, o primeiro do Brasil – destaca.

Por causa do aniversário, desde o começo do ano o IF-SC realiza atividades para celebrar a data.

Entre os eventos, está o concurso para a escolha do hino do centenário, a campanha de doação de sangue e a inauguração do Centro de Documentação e Memória. Consuelo observou ainda que todos os ex-alunos e funcionários estão convidados a participar das comemorações dos cem anos e contribuir com histórias, que deverão fazer parte de um livro.

Estudantes simulam a rotina de um restaurante

A unidade Florianópolis-Continente fez parte dessa expansão. Inaugurada em 2006, iniciou as atividades no ano seguinte e oferece cursos técnicos de panificação, hospedagem, cozinha e serviços de restaurante e bar. Ontem, 30 estudantes da primeira fase destes dois últimos cursos simularam o dia-a-dia de um restaurante. No cardápio, comida típica da Ilha: tainha e pirão.

– Realizar a atividade com os dois cursos juntos é importante para diminuir a tensão que existe na vida real entre os profissionais da cozinha e do salão – ressaltou o professor Rafael Matys Costa, do curso de serviços de restaurante e bar.

Os números
> 25 cursos técnicos
> 2 cursos de licenciatura
> 10 cursos superiores de tecnologia
> 2 cursos de especialização
> 1 curso de mestrado profissional

(DC, 23/07/2009)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *