Campanha contra o abandono de animais no campus da UFSC
21/01/2008
Moradores querem conter verticalização na região da bacia do Itacorubi
21/01/2008

Fatma divulga 8º relatório de balneabilidade

O 8º relatório de balneabilidade divulgado pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma) nesta sexta-feira (18/01) mostra que o número de pontos impróprios para banho se manteve, em relação ao último relatório, mostrado na semana passada. Na semana passada foram 56 pontos, nesta são 55. A grande Florianópolis continua com 23 pontos impróprios para banho em suas praias.
O ponto é considerado impróprio para banho quando em mais de 20% de um conjunto de amostras coletadas nas últimas 5 semanas anteriores, no mesmo local, for superior a 800 Escherichia coli por 100 mililitros ou quando, na última coleta, o resultado for superior a 2000 Escherichia coli por 100 mililitros. A pesquisa de balneabilidade é um trabalho realizado sistematicamente pela Fatma desde 1976, seguindo as normas da Resolução do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).
Ele começa com a coleta de amostras da água do mar em mais de 180 pontos dos 500 quilômetros da costa catarinense. A Fatma seleciona esses pontos de tal forma que todo o litoral seja avaliado, concentrando as coletas justamente nos locais mais suscetíveis de poluição – os de maior fluxo de banhistas.
As coletas são feitas mensalmente de abril a novembro e semanalmente de dezembro a março. O relatório completo está no site www.fatma.sc.gov.br.
(Fatma, 18/01/08)

mm
Monitoramento de Mídia
A FloripAmanhã realiza um monitoramento de mídia para seleção e republicação de notícias relacionadas com o foco da Associação. No jornalismo esta atividade é chamada de "Clipping". As notícias veiculadas em nossa seção Clipping não necessariamente refletem a posição da FloripAmanhã e são de responsabilidade dos veículos e assessorias de imprensa citados como fonte. O objetivo da Associação é promover o debate e o conhecimento sobre temas como planejamento urbano, meio ambiente, economia criativa, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *